Análise do Grupo A | Euro2020

    O Grupo F é, de longe, aquele que podemos considerar o “grupo da morte”, mas esta edição do Europeu de Futebol 2020 – apesar de ser jogado em 2021 – tem ainda outros grupos que são muito interessantes de seguir. É o caso desde Grupo A, aquele que irá inaugurar a competição e aquele onde eu imaginava facilmente as quatro equipas a passarem à fase seguinte. Claro, mas as probabilidades não são exactamente as mesmas para isso acontecer.

    3…2…1… ESTÁ AÍ O EURO 2020! A ESPERA ACABOU E TUDO COMEÇA COM UM JOGO MUITO INTERESSANTE ENTRE ITÁLIA E TURQUIA. EM QUEM APOSTAS? SEGUE JÁ PARA A BET.PT!

    A Itália de Mancini, que tem tido uma nova vida com a geração de futebolistas transalpinos atual, é a principal favorita ao primeiro lugar, Suíça e Turquia surgem logo a seguir e, por último, País de Gales parece-me a que tem menos argumentos das quatro, mas a excelente campanha no Euro2016 e a sua competitividade podem sempre ser fatores a ter em conta, sobretudo nesta competição, onde passam à fase seguinte os quatro melhores “terceiros”.

    - Advertisement -

    Subscreve!

    PUB

    spot_img

    Artigos Populares

    Fenerbahçe quer contratar defesa que joga no campeonato da Hungria

    O Fenerbahçe está interessado na contratação de Meldin Dreskovic....

    Borussia Dortmund goleado por uma equipa tailandesa em jogo particular

    O Borussia Dortmund sofreu uma goleada impactante por 4-0...

    E-Prix de Londres #2: Sagrou-se um novo campeão

    Oliver Rowland venceu a última corrida em casa, em...

    E-Prix de Londres #1: A uma corrida do título

    Pela quarta vez seguida, a Porsche conseguiu chegar à...
    Carlos Ribeiro
    Carlos Ribeirohttp://www.bolanarede.pt
    Com licenciatura e mestrado em Jornalismo, Comunicação e Cultura, o Carlos é natural de um distrito que, já há muitos anos, não tem clubes de futebol ao mais alto nível: Portalegre. Porém, essa particularidade não o impede de ser um “viciado” na modalidade, que no âmbito nacional, quer no âmbito internacional. Adepto incondicional do Sport Lisboa e Benfica desde que se lembra de gostar do “desporto-rei”.                                                                                                                                                 O Carlos escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.