logo-BnR.png

ÚLTIMA HORA:

Ucrânia 0-1 Polónia: Nem sempre ganha quem mais faz por isso

Cabeçalho Futebol Internacional

A FIGURA

Fonte: UEFA
Fonte: UEFA

Kuba Blaszczykowski – Num jogo em que, colectivamente, a Ucrânia foi melhor, o título de “homem do jogo” acaba por ser arrebatado pelo polaco Kuba Blaszczykowski. Lançado ao intervalo por Adam Nawalka, com o objectivo de apoiar a dupla ofensiva constituída por Milik e Lewandowski – e assim melhorar a ligação entre sectores –, o jogador da Fiorentina de Paulo Sousa protagonizou o momento da partida quando, aos 54 minutos, num lance demonstrativo da sua qualidade individual, fugiu à marcação dos adversários e, já dentro da área contrária, atirou, de pé esquerdo, fora do alcance de Pyatov.

Um lance contra a corrente do jogo, que desbloqueou a partida e confirmou o regresso da Polónia aos momentos das grandes decisões, após as façanhas das décadas de 1980 e 1990 – depois deste momento, foi a vez de o sector mais recuado brilhar, com destaque para a dupla de centrais formada por Glik e Pazdan e para o guarda-redes Fabianski.

O João já nasceu apaixonado por desporto. Depois, veio a escrita – onde encontra o seu lugar feliz. Embora apaixonado por futebol, a natureza tosca dos seus pés cedo o convenceu a jogar ao teclado. Ex-jogador de andebol, é jornalista desde 2002 (de jornal e rádio) e adora (tentar) contar uma boa história envolvendo os verdadeiros protagonistas. Adora viajar, literatura e cinema. E anseia pelo regresso da Académica à 1.ª divisão..                                                                                                                                                 O João não escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.

O João já nasceu apaixonado por desporto. Depois, veio a escrita – onde encontra o seu lugar feliz. Embora apaixonado por futebol, a natureza tosca dos seus pés cedo o convenceu a jogar ao teclado. Ex-jogador de andebol, é jornalista desde 2002 (de jornal e rádio) e adora (tentar) contar uma boa história envolvendo os verdadeiros protagonistas. Adora viajar, literatura e cinema. E anseia pelo regresso da Académica à 1.ª divisão..                                                                                                                                                 O João não escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.

[my_elementor_post_nav_output]

FC PORTO vs CD TONDELA