4.


Ashley Cole – Após sete épocas de sénior no Arsenal (onde se formou), o defesa esquerdo fez o caminho inverso de William Gallas e, curiosamente, perante o mesmo acordo de transferência. Dado que o inglês era um desejo antigo de José Mourinho, o Chelsea optou por ceder o central francês a custo zero e, assim, adquirir o lateral por quase 8 milhões de euros. Tudo isto no mercado de verão de 2006.

E se é verdade que, até esse ano, o internacional inglês contabilizou oito títulos ao serviço do Arsenal de Wenger, certo é que, pelos blues, foram nove – dois dos quais uma Liga Europa e uma Liga dos Campeões.

Ao fim de oito temporadas em Stamford Bridge, Cole passaria ainda pela AS Roma por uma época, pelo LA Galaxy durante três anos, mas acabaria a carreira, na temporada passada, no Derby County FC.