Anterior1 de 3Próximo

Manchester City FC e Rotherham United FC defrontaram-se ao início da tarde na 3ª ronda da FA Cup 2018/2019. Após a desilusão da época anterior, onde foi precocemente eliminada pelo Wigan, a equipa de Pep Guardiola defrontou um Rotherham que está a efetuar uma época discreta no Championship (a lutar pela manutenção).

Na antevisão do jogo, Guardiola disse que a sua equipa ia encarar este jogo como uma final. E não se enganou.

O City entrou a todo o gás e chegou à vantagem logo aos 12 minutos de jogo.

De Bruyne combinou bem com Sterling dentro da área, o extremo inglês tirou um adversário do caminho e rematou colocado para o primeiro da tarde.

O golo madrugador de Sterling deu tranquilidade ao City e permitiu à equipa de Guardiola controlar o ritmo do jogo a seu bel-prazer. O Rotherham retraiu-se ainda mais, defendendo quase sempre com todos os jogadores atrás da linha da bola e com as linhas muito juntas.

Sterling abriu o marcador no Etihad Stadium
Fonte: Manchester City FC

A estratégia escolhida pelas duas equipas traduziu-se numa primeira parte muito morna e cinzenta, com os citizens a terem muita bola mas a verem os seus remates esbarrar no muro defensivo dos visitantes.

Os raios de sol que puseram fim a uma primeira parte cinzenta chegaram já muito perto do intervalo. Aos 43’, Gündogan com um passe fantástico isolou Phil Foden na área. O jovem do City limitou-se a tocar ao de leve na bola, colocando os citizens a vencer por 2-0.

Mesmo em cima dos 45’, a equipa da casa dilatou novamente a vantagem. Centro rasteiro de Kyle Walker na direita, com Ajayi a desviar para a própria baliza. 3-0 ao intervalo, resultado justo face ao domínio avassalador do City.

Phil Foden fez o segundo golo do City
Fonte: Manchester City FC

A segunda parte começou a um ritmo rápido, com o City a não abdicar do controlo do jogo e a estender o seu rolo compressor atacante.

Os golos foram surgindo com alguma naturalidade, fruto também do cansaço e desnorte dos jogadores do Rotherham. Aos 53’, os citizens fizeram o 4-0 por intermédio de Gabriel Jesus, após excelente jogada individual de Sterling.

A equipa de Guardiola chegou à mão cheia de golos aos 73’, através de Mahrez, que fuzilou o guarda-redes adversário após passe de Gündogan. Cinco minutos depois, o City fez o golo meia-dúzia. Mais uma assistência de Gündogan e Otamendi apareceu ao primeiro poste a cabecear certeiro.

Sterling e Gabriel Jesus festejam o quarto golo da tarde
Fonte: Manchester City FC

Aos 85’, foi a vez de Sané inscrever o seu nome na lista dos marcadores. (Mais uma) assistência de Gündogan e Sané rematou forte, com a bola a sofrer um desvio antes de entrar na baliza à guarda de Rodak.

O City cilindrou o Rotherham por expressivos 7-0 e avançou para a 4.ª ronda da FA Cup. Um jogo sem história, que a equipa de Guardiola dominou do princípio ao fim.

Onzes iniciais:

Manchester City FC: Ederson, Kyle Walker, Stones (Danilo, 75’), Otamendi, Zinchenko, Gündogan, Foden, Mahrez, De Bruyne (Sandler, 67’), Sterling (Sané, 57’), Gabriel Jesus

Rotherham United FC: Rodak; Vyner (Wood, 89’), Ajayi, Robertson, Mattock, Forde, Vaulks, Wiles, Taylor (Raggett, 74’), Williams, Smith.

LÊ MAIS: 5 Ligas Internacionais, 5 previsões

Anterior1 de 3Próximo

Comentários