5.


Andrea Pirlo – No início da temporada a direção da Juventus tomou a surpreendente decisão de contratar Andrea Pirlo. O antigo médio italiano, que até chegou a Turim para comandar a equipa de sub-23, foi anunciado poucos dias após ter sido noticiado o despedimento de Maurizio Sarri.

Não obstante a qualidade e respeito que Pirlo conquistou enquanto jogador, a escolha não foi bem recebida pelos adeptos. A direção da Vecchia Signora foi bastante criticada, por dar um verdadeiro “tiro no escuro”, – visto que esta se trata da primeira experiência como técnico e quando havia treinadores com muito maior reputação no mercado.

A Juventus é, à nona jornada, quarta classificada da Serie A, a prestação na Liga dos Campeões não está a ser brilhante, ainda que eficaz, e as diferenças entre este e o futebol apresentado por Sarri não são evidentes. A equipa parece continuar desconexa, sem ideias e muito dependente da qualidade individual dos seus jogadores para se conseguir superiorizar. A contestação aumenta e Andrea Pirlo terá de fazer mais e melhor, se quiser continuar à frente de um cargo tão exigente como este.

Anúncio Publicitário

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comente!
Por favor introduz o teu nome