Sporting CP e Riihimaen Cocks encontraram-se hoje em jogo relativo à 6.ª jornada da EHF Champions League, jogo que os leões se encontravam obrigados a ganhar para manter vivas as poucas esperanças que pudessem ter para se qualificar para a próxima fase. Devido à ausência de Pedro Valdés, Vujin começou a partida como titular.

Foi a equipa forasteira que marcou o primeiro golo da partida, mas Carlos Ruesga impediu que o Cocks assumisse vantagem do marcador com os primeiros dois golos do Sporting na partida. Em termos defensivos o Sporting iniciou com algumas alterações defensivas: Vujin a defender no meio com Frankis Carol e Carlos Carneiro a defender a 2.º, sem substituição defesa/ataque para aproveitar a transição ofensiva. No entanto, a equipa estava com algumas dificuldades em aguentar a ofensiva da equipa finlandesa, o que levou à entrada de Tiago Rocha para defender no meio.

Do outro lado, o bloco do Cocks entrou muito bem na partida, mas a capacidade de decisão de Ruesga e Vujin e a potência de Frankis conseguiam ir superando as dificuldades. Nota-se ainda algumas dificuldades físicas de Vujin, mas demonstrou toda a sua qualidade ao longo da primeira parte. A organização ofensiva do Sporting continuou a superar a defesa da equipa visitante e construiu uma vantagem sólida de oito golos ao intervalo (23-15).

Durante a segunda metade da partida, o Sporting geriu a vantagem que tinha sem muitas dificuldades, conseguindo superar a defensiva finlandesa na maioria das situações de ataque e também não teve dificuldades em conter a organização ofensiva adversária. Frankis Carol encerrou a partida com um golo de belo efeito, o 11.º da sua conta pessoal, fixando o resultado final em 38-29.

Anúncio Publicitário

SETE INICIAL

Sporting CP – Manuel Gaspar (GR), Arnaud Bingo, Marko Vujin, Tiago Rocha, Frankis Carol, Carlos Ruesga, Valetin Ghionea

Riihimäki Cocks – Vitalii Shitsko (GR), Teemu Tamminen, Vitalie Nenita, Nico Rönnberg, Roni Syrjälä, Yury Semenov, Yury Lukyanchuk