logo-BnR.png

ÚLTIMA HORA:

Não se deve acabar com a Brand Split! | WWE

modalidades cabeçalho

Os primeiros anos da década de 2010 não foram muito aliciantes para os fãs da WWE. A SmackDown foi um show “secundário” durante alguns anos, só iam para lá lutadores que não tinham tempo na Raw e para as desforras. Em 2016, com o surgimento da Brand Split, tudo mudou.

A partir do momento em que havia dois general managers em cada show, deixou de haver apenas um título mundial, passou a existir dois. Já não havia apenas um título de duplas, passou a existir dois títulos de duplas. Deixou de existir um título individual feminino, passou a existir dois. Como a WWE criou mais títulos, criou mais estrelas.

Momentos como Heath Slater e Rhyno conquistarem os títulos de duplas da SmackDown não existiam se não tivessem separado os lutadores para programas diferentes. Um exemplo melhor: quando o Jinder Mahal conquistou o WWE Championship. Alguma vez a WWE ia dar um dos títulos principais ao Jinder Mahal se não houvesse separação dos lutadores? Só mesmo um dos títulos secundários!

Desde o início da pandemia, a WWE libertou vários lutadores, muitos que eram importantes, outros que não eram assim tanto. Porém, com a saída de vários Superstars, deixou o elenco de lutadores cada vez mais pequeno, menos histórias e menos rivalidades interessantes em cada programa.

Com isso, a WWE decidiu juntar os títulos principais e de equipas. Neste momento, Roman Reigns detém tanto o Universal Championship como o WWE Championship, e os The Usos estão com o Raw Tag Team Championship e o SmackDown Tag Team Championship. The Bloodline foi a melhor stable que podia ter acontecido à WWE, subiu drasticamente a reputação de Roman Reigns perante os fãs e deu historias interessantes aos Usos. Agora, meses depois da criação da stable, eles não estão tão apelativos como eram inicialmente.

Os lutadores que acabaram de subir do NXT merecem ter tempo de antena. A WWE tem de sair da armadilha que eles mesmo se colocaram: retirar um dos títulos ao Roman Reigns e outro aos Usos.

Superstars como Cody Rhodes, Edge, Seth Rollins, Kevin Owens poderiam ter um dos títulos principais. A WWE tem de perceber que Roman Reigns não é tudo. Agora, não há muitas equipas que podiam ter um dos títulos de duplas, a WWE precisa de criar novas equipas e não é apenas nas equipas masculinas… Há uma situação grave com os títulos das duplas femininas.

A WWE precisa de continuar a ter lutadores exclusivos a um dos programas semanais. Ver lutadores como os Usos semanalmente na Raw e na SmackDown torna cansativo para os fãs.

Foto de Capa: WWE

O Filipe saiu da Ilha de São Miguel, nos Açores, para tirar a Licenciatura de Jornalismo na Escola Superior de Comunicação Social. Desde criança que é adepto de Futebol, tendo já sido árbitro. Para além do "desporto-rei", o Filipe também é apaixonado por Basquetebol e não falha no acompanhamento de Wrestling.

O Filipe saiu da Ilha de São Miguel, nos Açores, para tirar a Licenciatura de Jornalismo na Escola Superior de Comunicação Social. Desde criança que é adepto de Futebol, tendo já sido árbitro. Para além do "desporto-rei", o Filipe também é apaixonado por Basquetebol e não falha no acompanhamento de Wrestling.

FC PORTO vs CD TONDELA