Anterior1 de 11Próximo

A Fórmula 1 em 2019 esteve em crescimento. Crescimento porquê? Crescimento porque as outras equipas, para além da Mercedes, mostraram estar mais competitivas – tanto a Ferrari como a Red Bull conseguiram vitórias e pole positions. Apesar disto, a Mercedes teve um arranque de temporada excelente, o que lhe garantiu o campeonato de construtores e o título para Lewis Hamilton.

Para 2020, as regras não mudam muito, o que significa um maior conhecimento adquirido em 2019 por parte das equipas. Em 2020, também não há teto orçamental, ou seja, as equipas por mais que digam “que não se vão preocupar com isso”, claro que se vão preocupar. A grande mudança de regulamentos em 2021 pode significar uma mudança no domínio alemão que vem desde 2014. Mas já nos adiantamos. Vamos focar-nos agora em 2020.

A partir daqui, recorrendo a uma espécie de antevisão, as páginas seguintes estão reservadas para uma pequena análise do grid para 2020, falando um pouco de equipa para equipa, o que podemos esperar para a próxima temporada.

Foto de Capa: Formula 1

Artigo de Angelina Barreiro, David Pacheco e Luís Manuel Barros

Anterior1 de 11Próximo

Comentários