Cabeçalho modalidadesO passado fim de semana foi de festa em Vila Real com a sétima corrida do WTCC a encher as ruas da cidade, e para ajudar mais ainda a festa Tiago Monteiro venceu uma das corridas. O piloto português depois de sete fins de semana de competição segue em segundo no WTCC (Campeonato do Mundo de Carros de Turismo) numa luta que volta a ser pelo melhor não Citroen, apesar de um pouco diferente dos anos anteriores, uma vez que a marca francesa passou de quatro carros para apenas dois.

A verdade é que a cinco fins de semana de competição do fim da temporada 2016 o título parece entregue a José Maria Lopez. O campeão de 2014 e 2015 está mais uma vez imparável ao volante do Citroen e conta já com seis vitórias e 101 pontos de avanço para Tiago Monteiro, que tem duas vitórias em 2016.

Os últimos três anos foram totalmente do argentino Fonte: WTCC
Os últimos três anos foram totalmente do argentino
Fonte: WTCC

Este ano esperava-se uma maior proximidade entre os Honda e os Citroen, não só pelo desinvestimento no WTCC dos franceses que se viraram novamente para o WRC, como pela evolução do carro japonês face a 2015. No entanto esta proximidade só aconteceu a metade. Se nos últimos anos tivemos um domínio total gaulês, este ano só Lopez está destacado. Yvan Muller, segundo piloto da Citroen, está apenas em quinto da classificação neste momento.

Quanto ao Tiago Monteiro resta continuar a trabalhar para manter o segundo lugar do campeonato e tentar uma aproximação ao primeiro nas rondas que faltam: Argentina, Japão, China, Tailandia e Qatar, e voltar a ser o primeiro dos não Citroen, pelos vistos é a única coisa que se pode aspirar neste momento no WTCC.

Foto de capa: Tiago Monteiro

Comentários