Na cidade de Viriato nasceu, em 2002, aquele que viria a ser um dos clubes mais importantes e ecléticos do distrito. Na sua génese, teve o Futsal como modalidade principal, mas, com o tempo, o dito clube abriu espaço para modalidades como o atletismo, o futebol, o rugby, o ténis e o ciclismo. Atualmente, o clube tem estado em destaque no futsal português e tem cumprido o seu lema à risca, “Honrar Viseu”. Falamos, claramente, do Viseu 2001.

Já tinha dado nas vistas na Taça de Portugal de 2016 ao chegar à meia-final – um feito histórico no clube -, perdendo somente contra o CCRD Burinhosa nos penaltis. Com amostras dadas na Taça, era tempo de mostrar o potencial da equipa no campeonato e subir à primeira liga. No ano seguinte, ao comando de Paulo Fernandes, treinador com um palmarés riquíssimo em Portugal, o Viseu 2001 tornou-se praticamente imbatível e perdeu somente duas vezes, com um total de 34 jogos disputados na temporada. A este registo incrível juntou o troféu de campeão da segunda liga e, consequente, a subida à Liga Sport Zone.

Apesar de ter sofrido algumas saídas de jogadores, o plantel do Viseu 2001 da época 2018/19 é muito semelhante ao da época transata. É um plantel muito jovem, que está a mostrar a qualidade que tem nas quadras do principal escalão da modalidade. O jogador mais influente desta equipa é o suíço Eduardo Santos, mais conhecido por “Russo” no mundo do futsal. O atleta suíço leva já dez golos nesta temporada, sendo o segundo melhor marcador da Liga Sport Zone e tendo feito cinco assistências em apenas nove jogos.

O Viseu 2001 tem uma história recente que serve de inspiração a todos os clubes das divisões mais baixas do futsal português.
Fonte: Viseu 2001

O Viseu 2001 tem feito um início de liga muito interessante. Está atualmente no 8º lugar com 13 pontos e, faltando apenas três jogos para o fim da primeira volta, ainda luta por um lugar na Taça da Liga. É um arranque excelente para um recente primodivisionário, visto que, no ano passado, os clubes que subiram de divisão (GD Fabril e CD Aves) ocupavam a penúltima (13º lugar) e última posição (14º lugar), respetivamente.

Anúncio Publicitário

O clube vindo da cidade de Viriato já mostrou aquilo de que é feito e continua a espalhar magia e a causar surpresa nas quadras nacionais. Cumpre sempre o seu principal objetivo: o de honrar o distrito e a sua gente.

Texto revisto por: Mariana Coelho

Foto de Capa: Viseu 2001