Anterior1 de 2Próximo

Sporting CP, SL Benfica, FC Porto e UD Oliveirense são as quatro equipas que representam Portugal na Liga Europeia de hóquei em patins. Neste fim-de-semana, todas elas entraram em campo e venceram as suas partidas com bastante autoridade. Uma jornada europeia bastante positiva para o hóquei português.

SEGUNDOS 25 MINUTOS CORRIGIRAM PRIMEIRA PARTE DESASTRADA

O Sporting CP iniciou a defesa do título de Campeão Europeu no pavilhão João Rocha frente ao Amatori Lodi. Os leões estão inseridos no Grupo A juntamente com o Reus Deportiu (Espanha), Amatori Wasken Lodi (Itália) e HC Quévert (França). Este jogo ficava ainda marcado pelo regresso de João Pinto, antigo capitão leonino, ao Pavilhão João Rocha.

Os comandados de Paulo Freitas sabiam que à partida seria um jogo bastante complicado e, desta, forma, seria necessário colocar na pista toda a qualidade da equipa de alvalade. Sem surpresa, os italianos entraram fortes e, quando estavam decorridos dez minutos de jogo, adiantaram-se no marcador por intermédio de Lucas Martínez. O Sporting CP ia criando algumas situações de perigo, mas o guarda-redes do Lodi, Valentín Grimalt, ia-se exibindo a excelente nível. Assim, os leões foram mesmo para o intervalo a perder por 1-0.

Logo no começo da segunda parte, Domenico Illuzzi ampliou a vantagem do Lodi e complicava bastante a vida dos leões. Contudo, a equipa de Paulo Freitas operou uma reviravolta sensacional e haveria mesmo de vencer o encontro por 4-2. Toni Pérez (2), Gonzalo Romero e Ferran Font assinaram os golos.

Toni Pérez marcou por duas vezes e foi essencial para o triunfo do Sporting CP frente ao Amatori Wasken Lodi
Fonte: Sporting CP

Duas notas finais relativamente a esta partida. Em primeiro lugar, foi mais uma excelente exibição de Ângelo Girão. Em segundo lugar, e numa semana em que também Pedro Solha viu os adeptos agradecerem-lhe pelo que fez ao serviço do clube, João Pinto teve também ele uma merecida e bonita homenagem por parte da massa adepta leonina.

FC PORTO ESMAGA HRC MONZA COM NOTA ARTÍSTICA DE COCCO

O FC Porto começou a sua campanha europeia no Dragão Caixa frente aos italianos do Monza. Os dragões partiam com grande favoritismo para o encontro e, após o empate frente à Juventude de Viana, a equipa de Guillem Cabestany queria voltar às vitórias. O FC Porto está inserido no Grupo B com o CE Noia (Espanha), o RC Biasca (Suíça) e o HRC Monza (Itália).

O FC Porto goleou o HRC Monza por 10-1 e Cocco foi a principal figura da equipa portista
Fonte: FC Porto

Não foi preciso esperar muito para os dragões inauguraram o marcador. Rafa foi carregado na grande área e Gonçalo Alves não facilitou na conversão da grande penalidade colocando o FC Porto em vantagem. A partir deste momento, assistimos a um autêntico espetáculo da equipa azul e branco. Ainda antes do intervalo, Gonçalo Alves, Giulio Cocco, por quatro vezes, e ainda Hugo Santos ampliaram a vantagem portista para 7-0.

No segundo tempo, o FC Porto diminuiu o ritmo do encontro e limitou-se a gerir a partida. Ainda assim, os portistas haveriam de conseguir um impressionante resultado final de 19-1. Carlo Di Benedetto, Poka e, novamente, Cocco foram os autores dos golos.

Anterior1 de 2Próximo

Comentários