cab NFL

Os Denver Broncos começaram melhor o jogo e sem arriscar muito lá chegaram ao meio campo defensivo dos Panthers, conseguindo logo três pontos na primeira “drive”, através de um field goal do kicker Brandon McManus. O ataque dos Panthers demorou a aquecer. Depois de não terem conseguido converter na primeira posse, a offensive line deixou que Cam Newton fosse derrubado por Von Miller, o que acabou por resultar num fumble do quarterback de Carolina, com a bola a ser recuperada pela defesa de Denver dentro da endzone de Carolina. Touchdown e dez a zero para os Broncos, com a melhor defesa da liga a superiorizar-se largamente ao melhor ataque no início da partida. Como curiosidade, sempre que a defesa de Denver marcou um touchdown nesta época, a equipa ganhou.

A defesa de Carolina manteve a equipa no jogo e evitou que o resultado se avolumasse, com Luke Kuechly a conseguir derrubar Peyton Manning no final do primeiro quarto. O ataque dos Panthers, apoiado nas corridas do QB Cam Newton, foi desequilibrando a defesa dos Broncos e avançando no terreno, acabando por beneficiar de uma falta do cornerback Aqib Talib para marcar da linha de uma jarda, através de uma corrida/um salto do running back Jonathan Stewart. Carolina entrou finalmente no jogo e registou os seus primeiros pontos no início do segundo quarto: dez a sete para Denver.

Peyton Manning (e o ataque de Denver) continuou a jogar pelo seguro, procurando evitar os “turnovers” e optando por passes curtos e corridas em situações de “3rd down”, acabando por chutar a bola para o adversário, que continuava sem aproveitar as oportunidades que lhe foram concedidas. Jordan Norwood aproveitou um “punt” de Carolina para fazer um “return” de 61 jardas (recorde do Super Bowl), que deixou a equipa de Denver às portas da endzone de Carolina, mas, mais uma vez, Manning e o ataque não conseguiram os sete pontos, esbarrando na defesa de Carolina, contentando-se a equipa com mais um field goal de McManus. 13 a sete para os Broncos.

Depois do fumble de Cam Newton que resultou no primeiro touchdown de Denver, desta vez foi o fullback Mike Tolbert que perdeu a bola depois de uma corrida em que tentou ganhar jardas extra depois de já ter conquistado o “1st down”. Mais uma vez a melhor defesa da liga a superiorizar-se ao melhor ataque. Na jogada a seguir ao fumble de Tolbert surge o primeiro “turnover” de Manning, um passe que acabou por ser interceptado pelo defesa Kony Ealy. DeMarcus Ware acabou por derrubar Newton quando os Panthers tentavam reduzir a desvantagem, terminando a primeira parte 13-7 para os Broncos. Só deu defesa.

O início do segundo tempo prometeu, com Cam Newton e Peyton Manning a conseguirem converter uma série de passes para Ted Ginn, Jr. e Emmanuel Sanders, respectivamente, mas, enquanto os Broncos conseguiram retirar mais três pontos dessa jogada com mais um field goal de McManus, o kicker dos Panthers, Graham Gano, acertou em cheio no poste. 16 a sete para os Broncos. Aos poucos, a vantagem continuava a aumentar.

Peyton Manning e Cam Newton protagonizaram um dos momentos mais marcantes do SB50 Fonte: NFL
Peyton Manning e Cam Newton protagonizaram um dos momentos mais marcantes do SB50
Fonte: NFL

Carolina continuava sem encontrar solução para lidar com o front seven da defesa dos Broncos, o que levou a mais um turnover de Cam Newton, desta vez uma interception de T. J. Ward, depois de Ted Ginn, Jr. não ter conseguido controlar um passe. A defesa dos Panthers fez os possíveis (e os impossíveis) para manter a equipa no jogo; Kony Ealy derrubou Manning, forçando a que o QB dos Broncos largasse a bola, que veio a ser recuperada pela defesa. Com mais uma oportunidade de reduzir a desvantagem, os Panthers conseguiram três pontos, com Gano a converter o field goal desta vez. 16 a dez para os Broncos.

Os Broncos a jogar com a vantagem continuavam sem arriscar no ataque, apostando em corridas e passes curtos, evitando desta forma turnovers e gastando tempo de jogo. Os Panthers, por sua vez, a correr atrás do resultado precisavam de arriscar, mas continuavam a barrar na defesa de Denver, que mais uma vez viu Von Miller a derrubar e “roubar” a bola a Newton, que acabou por ser recuperada pela defesa e levou ao touchdown que acabou com o jogo. C. J. Anderson marcou da linha de uma jarda depois de uma falta de Josh Norman e Peyton Manning converteu um passe para Fowler na jogada de conversão de dois pontos, fixando o resultado final de 24-10.

No confronto entre a melhor defesa e o melhor ataque, a defesa ganhou, e não foi minimamente renhido. Cam Newton e os seus Carolina Panthers não conseguiram encontrar soluções para ultrapassar a muralha erguida pela defesa dos Broncos, e os três turnovers de Newton, dois fumbles e uma interception acabaram por resolver o jogo, numa partida em que o ataque de Denver só lançou pólvora seca. Von Miller foi o MVP, tendo forçado os dois fumbles que deram origem aos dois touchdowns dos Broncos. Peyton Manning geriu o jogo, tentou evitar turnovers ao máximo, jogando de uma forma bastante conservadora, e pode agora retirar-se, aos 39 anos, como campeão do Super Bowl (pela segunda vez).

A desilusão de Cam Newton no final do jogo

 

Foto de Capa: NFL

Comentários