Anterior1 de 2Próximo

Bianca Andreescu é a campeã do US Open 2019. Se há um ano atrás alguém dissesse isto, iriam achar que estava maluco, mas é mesmo verdade. Na edição de 2018, a canadiana tinha perdido na primeira ronda da fase de qualificação deste mesmo torneio. Andreescu iniciou o ano fora das duzentas melhores jogadoras do mundo e na segunda-feira será quinta classifica do ranking WTA. Com 18 anos feitos em junho, Bianca Andreescu é hoje uma estrela do circuito mundial. Esta é mesmo uma história que poderemos contar aos nossos netos e dizer “eu vi a Bianca Andreescu nascer para o mundo do ténis”.

UM PERCURSO MEMORÁVEL

Andreescu começou a sua caminhada rumo à final vencendo a jovem norte-americana Katie Volynets pelos parciais de 6-2 e 6-4. Seguiram-se Kirsten Flipkens e Caroline Wozniacki também com vitórias em apenas dois sets. Nos oitavas-de-final, voltou a defrontar uma jogadora da casa: Taylor Townsend. Apesar de ter cedido a primeira partida, a canadiana haveria mesmo de seguir em frente e qualificar-se para a ronda seguinte com um triunfo pelos parciais de 6-1, 4-6 e 6-2. Nos quartos de final, Andreescu teve pela frente a bela Elise Mertens. Depois de ter cedido o primeiro set, deu a volta ao marcador e dava assim continuidade a um sonho. Belinda Bencic foi a adversária que se seguiu. Num encontro em que até ganhou o primeiro parcial, Bianca Andreescu viu-se a perder por 4-1 e 5-2 (30-0) no segundo set. Nesse momento, fez uso da raça que a caracteriza e somou cinco jogos consecutivos para carimbar o acesso à final.

UM ENCONTRO IMPRÓPRIO PARA CARDÍACOS

No encontro decisivo, tinha pela frente uma lenda da modalidade: Serena Williams. Contudo, Andreescu não se fez rogada e entrou bastante forte na partida acabando por vencer o primeiro set por 6-3. Quando seria de esperar uma reação da campeã de 23 títulos do Grand Slam, a canadiana voltou a entrar melhor e fez o 2-0. Serena reagiu e quebrou o serviço de Andreescu fazendo o 2-1. Por esta altura, o público norte-americano ia puxando (e muito) por Serena. Todavia, mais uma vez, Bianca Andreescu mostrou do que é feita e somou 3 jogos consecutivos. Estava agora a apenas um jogo de conquistar o título em Nova Iorque.

A canadiana chegou a dispor de um match point, mas Serena Williams salvou-o e dava assim início a uma recuperação inacreditável para igualar o marcador a 5-5. Perante um Arthur Ashe Stadium em completa loucura, Andreescu conseguiu estancar a hemorragia e ganhar o seu jogo de serviço para se colocar na frente do segundo parcial.

Devo confessar que neste momento tive um pressentimento de que a canadiana ia quebrar o serviço de Serena e conquistar o título. Tive até oportunidade da fazer um tweet em que dizia isso mesmo. É caso para dizer que só não acerto no Euromilhões. Bianca Andreescu haveria mesmo de o fazer e deixar o seu nome para sempre na história do ténis.

Bianca Andreescu surpreendeu tudo e todos e é a campeã do US Open 2019. A candiana tem apenas 19 anos e é já uma das principais figuras do mundo do ténis
Fonte: US Open Tennis Championships
Anterior1 de 2Próximo

Comentários