João Sousa somou, esta tarde, na primeira ronda do ATP 500 de Roterdão, a sua quarta derrota seguida na nova época. Pela frente teve o experiente tenista francês Gael Monfils que conquistou, no passado domingo, o seu primeiro título da temporada.

O primeiro set esteve longe de ser perfeito para João Sousa. O vimaranense, apesar de ter feito alguns pontos de grande qualidade, falhou nos momentos cruciais desta primeira partida. Exemplo disso foi a oportunidade desperdiçada pelo português de empatar o marcador, após ter feito um break no jogo de serviço do francês. No fundo, ambos os tenistas cometeram vários erros, a diferença está no período em que os fizeram.

A frustração acabou por tomar conta de João Sousa. Várias foram as vezes em que o vencedor de 2018 do Estoril Open expressou a sua revolta, através de gritos e de olhares para o seu treinador. Essa mesma revolta resultou em grandes jogadas por parte do jogador natural de Guimarães, ainda assim o número de falhas foi superior. Gael Monfils aproveitou da melhor maneira o rumo do jogo e foi amealhando os pontos necessários para vencer a partida e garantir a passagem à próxima ronda.

Momento em que Gael Monfils confirmou a vitória diante de João Sousa:

Afastado do torneio holandês, João Sousa viaja agora para França, onde vai disputar o ATP 250 de Marselha.

Resultado final: João Sousa 0-2 Gael Monfils (3-6/2-6)

Foto de Capa: ATP World Tour

Artigo revisto por Diogo Teixeira

Comentários