Chegou ao fim a participação de João Sousa no ATP de São Petersburgo. O tenista de 30 anos não conseguiu derrotar o croata Borna Coric e viu o sonho de chegar à final cair por terra.

Depois de uma grande vitória sobre Karen Khachanov nos oitavos de final e de uma grande exibição diante de Mikhail Kukushkin, João Sousa só tinha mais um obstáculo para chegar ao jogo decisivo. Pela frente, um jovem croata, de 22 anos, com a mesma ambição de lutar pelo primeiro título desta época.

O tenista luso teve uma entrada muito forte na partida e, desde cedo, causou vários problemas ao 15º classificado do ranking ATP. A confiança demonstrada desde o primeiro minuto do encontro permitiu a João Sousa conquistar um break no segundo jogo de serviço do croata. Confirmado o break, o tenista natural de Guimarães manteve o foco e a vantagem de três jogos garantindo a vitória no primeiro set.

João Sousa chegou a liderar o marcador no encontro
Fonte: Open de São Petersburgo

A lutar para se manter na discussão do jogo, Borna Coric começou a melhorar o seu ténis, dando origem a um maior equilíbrio na partida. Aquando do 5-5 e com o tenista de 22 anos a servir, João Sousa teve três oportunidades para ganhar o break para posteriormente servir para vencer o encontro, no entanto, desperdiçou-as, levando o set para a decisão do tiebreak. No desempate, Borna Coric foi superior e a partida seguiu para o derradeiro terceiro set.

Borna Coric entrou determinado no segundo set e empatou a meia-final
Fonte: ATP de São Petersburgo

Com a partida empatada, o jogo psicológico passou a ser fundamental, até porque ambos os jogadores já demonstravam sinais de cansaço. Neste aspeto, João Sousa deixou-se afetar pelos sucessivos erros que cometeu, dando oportunidade ao seu adversário de ganhar pontos e a confiança necessária para alcançar o triunfo. Com três quebras de serviço no serviço de João Sousa, Borna Coric caminhou, sem grandes problemas, para a vitória.

João Sousa perdeu uma grande oportunidade de alcançar a sua 11.º primeira final da carreira. Em relação a Borna Coric, vai defrontar o vencedor do encontro entre Daniil Medvedev e Egor Gerasimov.

Foto de Capa: ATP de São Petersburgo

Artigo revisto por Diogo Teixeira

Comentários