Anterior1 de 3Próximo

Como um Grand Slam vem acompanhado de duas longas e intensas semanas, decidimos dar um briefing aos destaques desta primeira semana de competição.

OS «TRÊS GRANDES» CONTINUAM NA LUTA

Rafael Nadal, Roger Federer e Novak Djokovic. Estes três nomes são os considerados “grandes” do torneio, e, por agora, ainda seguem na competição.

A vencer a Hugo Dellien, Federico Delbonis, Pablo Carreno Busta e, a eliminar um dos australianos favoritos, Nick Kyrgios, Rafael Nadal tem garantida a presença nos quartos-de-final, onde vai defrontar Dominic Thiem, que entrou em força na competição.

Já o suíço Roger Federer pareceu ter a tarefa mais dificultada nas primeiras rondas: Triunfou nas partidas sobre Steve Johnson e Filip Krajinovic, mas encontrou desafios no encontro com o australiano John Millman, na terceira ronda, que o levou a vencer em cinco sets realizados. No entanto, o suíço garante a sua presença nos quartos-de-final, ao vencer Martón Fucsovics, e agora irá medir forças com uma das surpresas do torneio, o americano Tennys Sandgren.

Sobre o “Rei de Austrália”, como é bem apelidado Novak Djokovic, o sérvio continua na luta pelo seu mais querido Grand Slam. Ao derrotar de forma, digamos, acessível Jan-Lennard Struff, Tatsuma Ito, Yoshihito Nishioka e Diego Schwartzman, o detentor do troféu de 2019 vai agora medir forças nos quartos-de-final com o canadiano Milos Raonic.

O número dois e detentor do troféu, Novak Djokovic, não deixará este escapar tão facilmente
Fonte: Australian Open
Anterior1 de 3Próximo

Comentários