logo-BnR.png

ÚLTIMA HORA:

Cinco sucessores de qualidade para Éderson

Depois de grandes temporadas protagonizadas por Júlio César, Oblak e Éderson, o Benfica deve agir e investir os valores necessários para trazer um guarda-redes de grande qualidade às ordens de Rui Vitória. Assim sendo, surgem 5 grandes nomes que poderiam encaixar que nem uma luva no atual tetracampeão:

Lovre Kalinic (KAA Gent)

Internacional croata de 27 anos, Kalinic procura dar o salto para um clube de maior projeção europeu onde, embora já tenha sido associado ao Inter de Milão na época transata, seria visto como uma grande contratação por parte das águias, tendo até em conta que atua numa liga mais subvalorizada e com menos visibilidade.

Com os seus 2.01 metros de altura, é muito forte nas saídas e impressiona, surpreendentemente, pela sua agilidade.

Stanislav Kritsyuk (FC Krasnodar)

Outrora dono da baliza bracarense, Kritsyuk, de 26 anos, deixou saudades aos adeptos minhotos depois de grandes exibições na Liga NOS e na Europa.

Kritsyuk é visto como um bom sucessor de Éderson pela massa associativa benfiquista Fonte: Krasnodar FC
Kritsyuk é visto como um bom sucessor de Éderson pela massa associativa benfiquista
Fonte: Krasnodar FC

Pelo Krasnodar, a história não foi diferente e, após uma rápida adaptação ao futebol do seu país, o russo fez jus aos valores que envolveram a sua transferência, 4 milhões, fazendo parte de uma boa temporada do clube russo, sobretudo na Europa.

Embora suplente de Akinfeev na seleção russa, Kritsyuk tem qualidade para altos voos e o regresso a Portugal pode ser uma boa hipótese para um guarda-redes com todas as qualidades do típico guarda-redes de leste: sereno, bastante concentrado e com uns reflexos acima da média, juntando tudo isto aos seus 1.92 metros.

Depois de 11 anos como federado, a tática, a estrutura, e tudo aquilo que envolve o futebol fizeram com que Júnior visse o futebol de uma maneira diferente. Adepto assíduo da Premier League desde os seus seis anos, acredita ainda que a essência do futebol de rua perdurará sempre em detrimento da tática. Considera-se um estudioso do futebol.                                                                                                                                                 O Júnior escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.

Depois de 11 anos como federado, a tática, a estrutura, e tudo aquilo que envolve o futebol fizeram com que Júnior visse o futebol de uma maneira diferente. Adepto assíduo da Premier League desde os seus seis anos, acredita ainda que a essência do futebol de rua perdurará sempre em detrimento da tática. Considera-se um estudioso do futebol.                                                                                                                                                 O Júnior escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.

[my_elementor_post_nav_output]

FC PORTO vs CD TONDELA