Dispensas de Janeiro

    - Advertisement -

    Eliseu. Epá eu sei que ele é uma figura magnânima e um senhor todo-poderoso no que a memes diz respeito, mas por mais divertido que isso seja, porque é, não chega. Precisamos de pensar na lateral-esquerda como gente crescida. É que com a eventual ida, justificada, diga-se, de Eliseu para os Açores, e a possível saída de Grimaldo para o Nápoles, ficamos sem lateral-esquerdo. É que estamos completamente a ignorar essa posição! O único lateral do qual se falou até à data foi Bruno Peres, da AS Roma, que é lateral-direito!

    A dispensa de Eliseu é mais do que merecida dentro da velha máxima do “não joga, vai fora”. É sinal de que já não tem utilidade, mas precisamos de um novo lateral-esquerdo. Por falar em inúteis aos quais ainda não sabemos o que devemos fazer, Rafa.

    O dossier Rafa Silva é um bicudo. Começa por ser um negócio que tinha tudo para ser extraordinário onde o Benfica trazia uma das maiores promessas do futebol português para o plantel a troco de 15 Milhões, um preço astronómico. Ora, sujeito que custa este tipo de balúrdio deve ser titular e resolver jogos sozinho, certo? Errado.

    Rafa veio para o Benfica numa daquelas implicâncias do “não vamos deixar o Porto ter este”. Enfim, birra de crianças que saiu cara. O mais certo é que Rafa saia em Janeiro, e se não for agora, é em Junho. E já vai tarde.

    Salvio tem sido constado um pouco por todos, mas continua a ser um dos preferidos de Rui Vitória Fonte: SL Benfica
    Salvio tem sido constado um pouco por todos, mas continua a ser um dos preferidos de Rui Vitória
    Fonte: SL Benfica

    E, finalmente, sim é isso que vocês já estão à espera, é-me impossível não mencionar o nome deste craque quando o tema em causa são dispensas, Salvio. Esta semana tive de levar, mais uma vez, com o seguinte argumento: “Ele só ali anda porque tem faro de golo”. Desculpem-me mas este tipo de raciocínio é zero.

    Salvio pode ser um finalizador melhor do que Jiménez, ou do que Seferovic e ter mais utilidade do que Rafa, mas é mau no resto. Sabe defender? Sim, se o compararmos a Cervi, sim, mas não chega. Salvio é horrível a decidir e acerta uma em cada vinte. Custa-me ver Zivkovic no banco, que podia jogar e crescer, e ver Salvio andar a passear por ser um dos “preferidos” de Rui Vitória.

    Vendam-no! Mais uma vez, pode não ser agora embora não ficasse insatisfeito com isso, mas o mais depressa possível. As dispensas de Janeiro e a ponderação que se faz ao plantel nesta altura têm de servir para reflectir sobre o que a equipa precisa para que na próxima época possa voltar a ser o Benfica ao qual estamos habituados.

    Foto de Capa: SL Benfica

    - Advertisement -
    spot_img

    Subscreve!

    Artigos Populares

    Saúl Ñíguez pode mudar de clube em Espanha

    O médio espanhol Saúl Ñíguez pode estar perto de...

    Volte-face nas negociações por Nicolò Zaniolo

    O jogador italiano Nicolò Zaniolo está agora mais perto...

    Promessa belga oficializada no Dortmund

    O BVB Dortmund anunciou a contratação do jovem prodígio...

    O alvo de Mourinho para reforçar a defesa da AS Roma

    Com a saída de Karsdorp cada vez mais iminente,...
    João Valente
    João Valentehttp://www.bolanarede.pt
    João Valente é um apaixonado pela arte do futebol. Nascido e criado durante boa parte do tempo em Lisboa, começou a seguir este desporto com uns tenros quatro anos e, desde então, tem sido um namoro interminável. É benfiquista de gema – mas não um que só vê Benfica à frente! É alguém que sabe ser justo quer o Benfica ganhe ou perca e que está cá para salientar os porquês, na sua opinião, dos resultados. Como adepto de futebol que é não segue só a atualidade do futebol português; faz questão também de acompanhar a par e passo o que de mais importante acontece nos principais campeonatos. A conjugar com o seu interesse pelo futebol, e pela malha, desporto que descobriu porque o seu avô era campeão lá na rua, veio a escrita, forma que encontra de expor os seus pensamentos na esperança de um dia se tornar num grande jornalista de desporto, algo que dificilmente acontecerá mas, tudo bem, ele um dia há-de perceber isso.                                                                                                                                                 O João escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.
    Bola na Rede