O SL Benfica vai defrontar o Eintracht Frankfurt nos quartos de final da Liga Europa, ditou o sorteio desta sexta-feira em Nyon. Se passar, encontra o vencedor de Slavia Praha e Chelsea nas meias-finais. Além destes, a competição europeia contará com mais dois grandes jogos: Nápoles-Arsenal e Villareal-Valencia, cujos vencedores se defrontam entre si na fase seguinte.

Os encarnados vão assim defrontar uma equipa sensação e em constante ascensão no futebol alemão – ocupam o quinto lugar da Bundesliga – e europeu – eliminaram o Inter e Shakhtar, depois de dominarem e terminarem o grupo H no primeiro lugar.

Como figuras-chave, é inevitável falar de Luka Jovic e da excelente forma que atravessa. Depois de ter mostrado bastantes dificuldades de adaptação nas duas épocas de águia ao peito, foi emprestado aos alemães e o que tem feito é absolutamente soberbo. Na presente temporada, leva 22 golos, 15 deles apontados na Liga, onde é o segundo melhor marcador. Tem se revelado um finalizador por excelência, com faro para o golo e os números falam por si.

Trata-se, por isso, de um encontro em grande perspetiva, onde o sérvio irá certamente mostrar todo o seu potencial, que na altura não chegou para convencer os encarnados, que o emprestaram para um clube onde está a ser dado espaço para se mostrar e viver um grande momento, o melhor da sua (ainda) curta carreira.

Luka Jovic volta a encontrar o Benfica. Promete mostrar a qualidade e evolução que não chegou a convencer em Portugal.
Fonte: UEFA

O Eintracht é, certamente, um adversário muito diferente que o Dinamo Zagreb, que foi afastado pelo Benfica numa eliminatória emocionante.

Tudo pode acontecer e tudo está certamente em aberto. Não é uma eliminatória totalmente acessível como se poderia pensar. Os alemães vão causar dificuldades e o Benfica terá de encontrar a melhor estratégia e opções para travar a ascensão meteórica do clube de Luka Jovic.

Espera-se, por isso, uma eliminatória ao mais alto nível, com duas equipas a viver um contexto idêntico. Face à qualidade que os oponentes têm mostrado, é importante não desvalorizar e até não subestimar a equipa do Eintracht, porque pode causar surpresas. Quanto ao encontro com Jovic, será impressionante e engraçado ao mesmo tempo. Impressionante pelo que tem alcançado individual e coletivamente. Engraçado por se ter a prova provada do que poderia ser um flop, mas que não se resignou e trabalhou ainda mais para alcançar o estatuto em que se encontra atualmente.

Os quartos de final jogam-se nos dias 11 e 18 de abril. Na primeira mão, o Benfica recebe o Eintracht na Luz e, na segunda, deslocam-se à Commerzbank Arena. Quem vencer, defronta o vencedor do Slavia Praha e Chelsea nas meias finais em maio.

Foto de Capa: SL Benfica

Comentários