4.

Ezequiel Garay – Chegou ao Benfica vindo do colosso Real Madrid CF, e depressa assumiu a titularidade no onze encarnado. Um jogador com uma leitura de jogo e qualidade técnica acima da média, o argentino foi, porventura, um dos melhores centrais que passou pelo Benfica nos últimos anos.