Anterior1 de 6Próximo

O mercado de transferências de janeiro para o Sport Lisboa e Benfica ficou posicionalmente marcado pelas mexidas na posição 6.

Não só a grande contratação foi a de Julian Weigl por 20 milhões de euros ao Borussia Dortmund, como a principal saída acabou por ser a de um mítico ‘6’ encarnado. Apesar da venda de RDT, é o adeus (ou até já) de Fejsa que marca os adeptos do SL Benfica.

A contratação de um potencial craque alemão com tiques de Busquets e a saída do verdadeiro tractor papa-títulos do Sport Lisboa e Benfica, vieram mexer com as emoções dos benfiquistas relativamente a esta posição tão fundamental.

E, como homenagem a quem chegou e, principalmente, a quem, por agora, nos largou, deixo aqui o meu top 5 de médios defensivos a envergar a camisola encarnada neste século 21.

Anterior1 de 6Próximo

Comentários

Artigo anteriorO 11 do século do FC Barcelona
Próximo artigoMcLaren: Depois da tempestade, vem a bonança
Primeira palavra bola. Primeiro brinquedo bola. E assim sempre será. É a ver jogos que partilha os melhores momentos de amizade. É a ver jogos que faz as melhores viagens. É a ver jogos que esquece os maiores problemas. Foi na paixão pelo jogo que sempre ultrapassou os outros desgostos de amor. Agora a caminhar para velho pode partilhar em palavras aquilo que sempre guardou para si em pensamentos e pequenos desabafos.                                                                                                                                                 O Daniel não escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.