Anterior1 de 3

É impossível dissociar o emblemático Boavista Futebol Clube da história do Futebol português. Fundado em 1903, o clube portuense é presença assídua no principal escalão do desporto-rei lusitano e o seu legado é indelével, possuindo no seu palmarés um Campeonato Nacional, cinco Taças de Portugal e três Supertaças.

Foi no ano de 2000/01 que a cidade Invicta se pintou de branco e preto para os festejos do inédito título axadrezado, concretizando aquilo que muitos consideravam ser um feito impossível. Após presenças em Ligas dos Campeões, percursos de louvar no panorama europeu, dois segundos lugares em Portugal, o Boavista de Jaime Pacheco transformou-se finalmente num Boavistão e alcançou a glória.

Considerada, durante algum tempo, como o quarto grande em Portugal, a pantera esteve presente em inolvidáveis noites europeias… Que, certamente, trarão saudades aos seus adeptos. Foi há mais de 18 anos anos que o Boavista discutiu ombro a ombro a presença na final da Taça UEFA (atual Liga Europa) em pleno Celtic Park, num ambiente eletrizante com 60 mil adeptos nas bancadas e muitos outros milhares a acompanhar pela televisão. Ainda na ressaca da histórica conquista do campeonato, os boavisteiros bateram equipas como o Hertha de Berlim, o Málaga ou o PSG e quase atingiram uma final histórica, que viria a ser conquistada pelo FC Porto.

Essa temporada marcaria o início de um período de decadência, com uma longa travessia no deserto por parte dos axadrezados. Com uma descida à 2ª Divisão ‘B’, por incumprimentos financeiros, o clube esteve às portas da insolvência. Contudo, anos mais tarde, as panteras viram-lhe ser devolvido um lugar na elite do futebol português.

Anúncio Publicitário

Ainda à procura de uma maior estabilidade financeira, o Boavista vive agora uma nova fase da sua história: o aparecimento de um investidor, ainda na temporada passada, devolveu a esperança aos boavisteiros de acordar a pantera adormecida e fazer rugir, de novo, o Boavistão (ainda que a época de 2020/21 tenha sido bastante atribulada)!

Anterior1 de 3

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comente!
Por favor introduz o teu nome