Anterior1 de 2Próximo

Cabeçalho Futebol FemininoO Futebol Feminino em Portugal tem um passado relativamente curto, uma vez que só começou após o 25 de abril de 1974. No entanto, a primeira competição nacional oficial data de 1988 – sabe-se que a mesma competição já acontecia antes, mas sem a chancela da FPF -, tendo sido vencida pelo Boavista FC, clube que, aliás, dominou o início das competições em Portugal, vencendo tudo o que havia para ganhar até 1994/95.

A nível de seleção, Portugal ainda está a dar os primeiros passos. A primeira participação em competições internacionais foi apenas em 2017, durante o Europeu na Holanda, com uma participação muito meritória. Se em masculinos, o ranking da FIFA diz que somos terceiros, em femininos, o mesmo ranking aponta-nos como 38ª, a nível mundial, o que nos coloca como 22ª seleção europeia neste ranking.

A Formação começou apenas em 1994, ano em que o Sporting CP decidiu criar as primeiras escolas de formação em Portugal, numa altura em que não existiam escalões competitivos. Os leões fecharam o Futebol Feminino no final dessa época, terminando, assim, com a equipa sénior e as escolas de formação. O primeiro campeonato de juniores data de 2014, ganho pelo Cube Albergaria, ou seja, está apenas na quinta temporada, e a Taça Nacional de juvenis apenas começou na época transata.

O Sporting tem a única equipa de infantis femininos, jogando no campeonato misto, mas apenas com equipas masculinas Fonte: Sporting CP
O Sporting tem a única equipa de infantis femininos, jogando no campeonato misto, mas apenas com equipas masculinas
Fonte: Sporting CP

A FPF está a apostar no Futebol Feminino. A aposta ainda está a começar e contou com o forte apoio de quatro clubes – uns mais do que outros -, que responderam ao repto da federação e aceitaram criar equipa feminina. Já antes referi que não gostei da forma como aconteceu este ingresso, mas, como já não é possível voltar atrás, resta dizer que a medida foi positiva. A entrada, ou regresso, do Sporting, assim como a entrada do Sporting de Braga, CF Estoril Praia e do CF Os Belenenses trouxe muito mais notoriedade, principalmente no que toca ao Sporting e ao Braga, que criaram, talvez, as duas equipas mais fortes de sempre em Portugal.

O nível tem subido e o interesse também, apesar de termos um campeonato a duas equipas. Sporting e Sporting de Braga são muito superiores às restantes e, no próximo dia 4, as duas formações defrontam-se em Alvalade, no que poderá selar o título para as leoas, caso vençam, uma vez que passam a ter oito pontos de vantagem para as guerreiras, sendo praticamente impossível desperdiçar esta vantagem nos jogos que faltam (oito). Mais, o Sporting, caso vença, ‘arrisca-se’ a terminar o campeonato só com vitórias. O jogo de dia 4 tem ainda outro objetivo: bater o recorde de assistência de um jogo de Futebol Feminino em Portugal. Neste momento, a melhor marca é 12213, alcançado num jogo entre estas duas equipas, no Jamor, na final da Taça de Portugal do ano passado, que terminou com vitória do Sporting.

Anterior1 de 2Próximo

Comentários