spot_imgspot_img

    Nacional dá passo de gigante rumo à Liga Europa

    futebol nacional cabeçalho

    A cinco jogos do final da Liga Zon Sagres, o Nacional da Madeira está cada vez mais perto de garantir o apuramento para a Liga Europa. A vitória sobre o campeão em título Porto valeu-lhes não só três pontos como também um avanço de seis sobre os lugares que não dão acesso à Europa. Recorde-se que os madeirenses não estão numa competição europeia desde 2010/2011.

    O rei dos empates na Liga (11) teve um começo de época nada promissor. Em quatro jogos somou apenas quatro pontos, o que deixou o Nacional um pouco aquém do esperado para uma equipa que tem sempre como objetivo a presença na Liga Europa. Com o experientíssimo Manuel Machado ao volante, o Nacional conseguiu melhorar o seu futebol. A equipa de Machado tem o terceiro melhor registo de derrotas, apenas cinco (Sporting e Benfica têm menos).

    Apesar da boa campanha para a Liga, o Nacional não se saiu nada bem nas outras competições internas. Na Taça de Portugal caiu logo na 3ª eliminatória diante do Santa Maria, clube de Braga que milita no Campeonato Nacional de Séniores. A saída precoce deixou descontentes os representantes do clube e o cargo de Manuel Machado ainda andou tremido.

    Nacional na fatídica derrota com o Santa Maria.  Fonte: Cdnacional.pt
    Nacional na fatídica derrota com o Santa Maria
    Fonte: Site Oficial Nacional da Madeira

    O técnico natural de Guimarães manteve sempre a calma e, com o seu habitual discurso cauteloso para com os media, conseguiu apaziguar toda essa polémica, dando resposta com o crescente exibicional e consequente aumento pontual na principal competição do futebol português, o campeonato.

    Na Taça da Liga, o grupo não foi o mais acessível. A derrota com o Benfica (1-0), o empate com o Gil Vicente (2-2) e a vitória sobre o Leixões (2-0) de nada valeram sobre o poderio das águias que venceram o grupo com nove pontos e sem golos sofridos. Menos uma competição para Manuel Machado e para o Nacional, que agora se agarram com unhas e dentes à Liga Zon Sagres.

    Apesar dos seis pontos de avanço sobre a Académica e o Braga, não se avizinha fácil a tarefa dos madeirenses. Nestes últimos cinco jogos têm três fora (Gil Vicente, Setúbal e Paços de Ferreira) e dois em casa (Sporting e Marítimo). Se fizermos as contas tendo em vista a primeira volta, nestes cinco jogos, o Nacional conquistou nove pontos. Se fizer o mesmo registo ou melhor, está na Liga Europa.

    Os problemas agora residem em diferentes áreas. O Paços de Ferreira ainda não garantiu a salvação, o Sporting ainda sonha com o título (muito difícil) e o Marítimo ainda não está fora da Liga Europa. Portanto, podemos concluir que a tarefa dos pupilos de Machado será árdua até meter os pés na Europa.

    Quanto às individualidades dos madeirenses, Rondón com nove golos e Djaniny com sete são os principais artilheiros a fazer balançar as redes adversárias.

    Mário Rondon é o melhor marcador do Nacional Fonte: Cdnacional.pt
    Mário Rondon é o melhor marcador do Nacional
    Fonte: Site Oficial Nacional da Madeira

    O próximo jogo pode deixar já quase tudo decidido. Os madeirenses vão a Setúbal e em caso de vitória podem tirar partido de eventuais deslizes do Braga,  contra o aflito Olhanense, e da Académica, no Porto.

    Até à Páscoa saberemos certamente se, três épocas depois, o Nacional da Madeira volta a marcar presença numa competição europeia.

    - Advertisement -
    spot_img

    Subscreve!

    Artigos Populares

    Marco Ferreira
    Marco Ferreira
    Praticou futebol durante 15 anos e é um apaixonado pelo desporto. Como todos os jornalistas tem um clube, mas considera-se isento.                                                                                                                                                 O Marco escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.
    Bola na Rede