Para se ter sucesso enquanto defesa central, há que dominar o jogo aéreo e, se há alguém que o consegue, é Felipe, defesa central do FC Porto.

Com 1,91 metros de altura, o brasileiro é uma referência nas bolas paradas defensivas e ofensivas, tendo três golos marcados esta época.

Recentemente, o Observatório do Futebol (CIES) divulgou um estudo onde surge a classificação de jogadores com maior percentagem de duelos aéreos ganhos no futebol europeu na presente época, em que o defesa portista está colocado em segundo lugar nas 31 ligas europeias, com 85,5 % de duelos aéreos ganhos, apenas superado pelo escocês Cristophe Berra, do Hearts, que regista 86,9% de sucesso em bolas pelo ar.

Felipe marcou a Feirense, Moreirense e Galatasaray na presente temporada
Fonte: FC Porto

Em termos absolutos, esta percentagem significa que o central de 29 anos, em 131 lances aéreos, ganhou 112 e perdeu apenas 19 divididas, o que é sinal de consistência e qualidade neste aspeto técnico.

Ainda de acordo com o mesmo relatório, Felipe ganha, em percentagem, mais duelos aéreos do que Virgil Van Dijk, do Liverpool, e Sergio Ramos, do Real Madrid, que é inclusivamente conhecido por ser um autêntico matador nas alturas. Este dado é influenciador na hora dos tubarões europeus “pescarem” reforços defensivos para as suas equipas, e esta é uma explicação para o constante assédio de que o brasileiro é alvo.

artigo revisto por: Ana Ferreira

Comentários