Hoje falamos de dois jogadores que ainda passam os valores que o clube procura transmitir, a chamada “mística” que poucos sentem. São eles Bruno Alves e Felipe, dois líderes dentro e fora do campo.

Bruno Alves, que representou os azuis e brancos e saiu para o Zenit em 2009, foi um dos capitães mais carismáticos que passou pelo clube. Caraterizado pela sua agressividade perante os adversários e muito forte com bola no ar, o central desde cedo se impôs no clube da invicta e na seleção nacional.

Campeão nacional pelos dragões por diversas vezes, Bruno Alves ganhou o carinho dos adeptos que certamente via com bons olhos o seu regresso a Portugal e ao dragão.

Felipe foi campeão pelos dragões na época passada
Fonte: FC Porto

A iniciar a terceira época de dragão ao peito, Felipe chegou ao clube e agarrou o lugar ao lado de Marcano, devolvendo a segurança defensiva por muito vezes sentida pela equipa.

Tal como Bruno Alves, Felipe também se destaca pela sua agressividade perante os adversários e mostrou desde cedo ser um líder dentro de campo, tendo já envergado a braçadeira por mais do que uma vez na época transata.

A iniciar mais uma época e com a saída de Marcano, o brasileiro parece ser a única aposta de créditos firmados no centro da defesa portista. Numa altura que o FC Porto procura reforços para a defesa, seria interessante ver uma dupla de centrais com o carisma e a mística demonstrados pelos dois jogadores de dragão ao peito.

Foto de Capa: FC Porto
artigo revisto por: Ana Ferreira

Comentários