Findo o clássico do fim-de-semana e quase terminada a primeira volta do campeonato ficam duas certezas: A luta pelo título ficará a cargo de SL Benfica e FC Porto, sendo que, pelo andar da carruagem, dificilmente o título fugirá às águias, e o Sporting CP terá que se contentar com uma inglória luta a quatro pelo último lugar do pódio.

Outro dado relevante que fica do jogo de Alvalade prende-se com o facto de o FC Porto ter conseguido, quase duas dezenas de anos depois, vencer nos estádios dos dois rivais da capital. Apesar de um futebol quase sempre insuficiente, a equipa não deixou de ser capaz de demonstrar a sua força (é certo que o resultado de domingo é algo injusto) no reduto dos seus principais rivais. É um feito que não ganha campeonatos, mas dá alguma esperança.

Assim sendo, no Top BnR desta semana elenco os principais agentes que contribuíram para a importante vitória frente ao Sporting CP.

1
2
3
4
5
6
Artigo anteriorDaniel Ramos: O novo treinador do Boavista FC
Próximo artigoA estratégia sem estratégia
Fervoroso adepto do futebol que é, desde o berço, a sua grande paixão. Seja no ecrã de um computador a jogar Football Manager, num sintético a jogar com amigos ou, outrora, como praticante federado ou nos fins-de-semana passados no sofá a ver a Sporttv, anda sempre de braço dado com o desporto rei. Adepto e sócio do FC Porto e presença assídua no Estádio do Dragão. Lá fora sofre, desde tenra idade, pelo FC Barcelona. Guarda, ainda, um carinho muito especial pela Académica de Coimbra, clube do seu pai e da sua terra natal. De entre outros gostos destacam-se o fantástico campeonato norte-americano de basquetebol (NBA) e o circuito mundial de ténis, desporto do qual chegou, também, a ser praticante.                                                                                                                                                 O Bernardo escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.