sporting cp cabeçalho 2

Battaglia chegou, cimentando cada vez mais a possível saída de Adrien Silva. O perfil do argentino agradou a toda a estrutura para substituir, ou não, o capitão leonino. Esgaio e Jefferson fazem o caminho inverso, reforçando a equipa do Braga. O Sporting ficou com 20% de uma futura transferência do português e o lateral brasileiro vai jogar uma época emprestado ao clube do Minho. Bons reforços para a equipa arsenalista!

Enquanto se negoceia Dória, são apontados outros nomes para reforçar o sector defensivo. Gastón Silva, o uruguaio, está em negociações bastantes avançadas com o Sporting. Se Dória for contratado, a opção Gastón Silva, poderá não ser concretizada. Acreditamos que apenas uma destas aquisições será realizada.

Relativamente ao lado esquerdo da defesa, serão Fábio Coentrão e Jonathan Silva os ocupantes desta posição? O argentino vem de uma forma fantástica tendo, inclusive, apontado um golo no último encontro. A excelente temporada nos argentinos do Boca não gerou esquecimento. O português está cada vez mais perto de assinar, podendo mesmo, a transferência por empréstimo, ser concretizada esta semana.

Coentrão pode estar prestes a ser anunciado no Sporting Fonte: Facebook de Fábio Coentrão
Coentrão pode estar prestes a ser anunciado no Sporting
Fonte: Facebook de Fábio Coentrão

No sector intermediário, jogadores como William Carvalho e Adrien Silva, em representação da selecção nacional na Rússia, poderão sair logo a seguir a terminar as suas participações na Taça das Confederações. Ambos estão com mercado e o Sporting sabe que dificilmente conseguirá manter estes jogadores no seu plantel. O encaixe financeiro poderá abrir portas a magníficos atletas sondados pelo emblema leonino.

Anúncio Publicitário

Marcos Acuña, Pavón, e Pity Martinez são as emergentes estrelas argentinas que poderão seguir carreira em Alvalade. Pity Martinez é um jogador fenomenal, um ilusionista com a bola nos pés. A sua capacidade técnica e o um-contra- um são, de facto, mais valias. Pavón é um jogador forte fisicamente, que pode jogar tanto no apoio ao avançado como a extremo. Uma das suas armas é a velocidade. Marcos Acuña, médio do Racing, é um autêntico pulmão em campo. Agressivo, constante e muito forte a recuperar bolas. Todos estes jogadores actuam no campeonato argentino e o Sporting sabe que não estará sozinho na tentativa de contratar estes três jogadores.