Anterior1 de 2Próximo

jogadoresqueadmiro

Tenho de começar este texto por um regresso aos finais de 2007, quando o Football Manager 2008 era o mais recente. Quando começava um Modo Carreira num clube com dinheiro, havia sempre uma contratação prioritária: Matías Fernández. Apesar de ser internacional chileno, Matías nasceu na Argentina. Como o pai era chileno, optou por jogar com La Roja, em vez de jogar pelos alvicelestes.

Na altura jogador do Villarreal CF, de Espanha, Matí Fernández tinha características bem apetecíveis e era um jogador com uma margem de progressão enorme, por isso uma das melhores contratações daquele jogo de computador. Quando o contratava, estava longe de imaginar que o Sporting CP faria o mesmo na vida real, no verão de 2009. Continuo a achar que foi uma das melhores contratações que o meu clube fez, porque Matigol foi um dos jogadores que eu mais gostei de ver jogar na minha vida.

Matías tinha um toque de bola e uma qualidade técnica absolutamente apaixonantes. A forma como tratava a bola devia fazer ciúmes à sua mulher, de tanto carinho que o sul-americano nutria pela “redondinha”. Arrisco-me até a dizer que foi um dos jogadores com melhor qualidade técnica que passou pelo nosso país. Só foi pena ter passado pelo Sporting numa altura em que este era liderado por presidentes do croquetismo, que apenas tentaram afundar o clube.

Matías começou a carreira no Colo Colo, tendo dado nas vistas pela qualidade técnica, já citada, e pela fortíssima capacidade, que ainda mantém, para execução de lances de bola parada. Os espanhóis do Villarreal foram buscá-lo, tendo pago na altura mais de nove milhões de euros. Contudo, no “Submarino Amarelo”, o chileno defraudou algumas das expetativas. Apesar disso, era possível ver que Matías tinha muito para dar ao futebol e foi isso que veio demonstrar em Alvalade. Os “leões” pagaram perto de cinco milhões de euros pela contratação do chileno, que foi então uma das transferências mais caras da história do Sporting Clube de Portugal, naquela altura.

Anterior1 de 2Próximo

Comentários