sporting cp cabeçalho 2

É preciso recuar até 2001-2002 para descobrir o último Bota de Ouro que actuava no Campeonato Português. De seu nome, Mário Jardel, o brasileiro repetia o feito, mas desta vez com a camisola verde-e-branca, que tinha conseguido em 1998-1999 ao serviço do FC Porto.

Desta vez é Bas Dost que está em busca da glória e da obtenção da Bota de Ouro. Após mais dois golos ao serviço do Sporting Clube de Portugal, o leão holandês está na luta pela liderança nesta época, com 24 golos marcados com a camisola leonina, mais um golo que marcou antes de ingressar nos verde-e-brancos ao serviço do Wolfsburgo. Os dois “tubarões” que tinha à frente, Messi e Aubameyang ficaram atrás do voador holandês que vê o sonho de obter a Bota de Ouro cada vez mais perto. Ainda assim, o astro argentino voltou a marcar e está agora um golo à frente de Bas Dost.

A realçar o factor de que Bas Dost está “apenas” a oito golos de igualar o número de golos que marcou ao serviço do Wolfsburgo nas últimas TRÊS épocas. Desde que chegou ao Sporting, o holandês está agora um jogador mais completo e os “medos” que tinha, de marcar penáltis, com a ajuda do seu treinador, Jorge Jesus, estão ultrapassados e já é o marcador oficial de penáltis do Sporting Clube de Portugal.

Islam Slimani deixou saudades em Alvalade e Bas Dost parecia não ter uma missão fácil em substituir o argelino. Mas a verdade é que rapidamente o "holandês voador" conquistou os adeptos verde-e-brancos. Fonte: www.sousporting.com.pt
Slimani deixou saudades em Alvalade e Dost parecia não ter uma missão fácil em substitui-lo. Mas a verdade é que rapidamente o “holandês voador” conquistou os adeptos verde-e-brancos.
Fonte: www.sousporting.com.pt

A aposta em Bas Dost começou logo na sua contratação, sendo o jogador mais caro de sempre na história do Sporting Clube de Portugal, com um custo de dez milhões pela totalidade do passe, mais um montante variável de dois milhões em função de objectivos. O goleador é agora um jogador mais completo e a sua chamada à seleção é uma realidade cada vez mais próxima. Resta saber quanto tempo, ou se a Direção Leonina terá capacidade para aguentar esta máquina de golos que já fez esquecer Islam Slimani.

Havendo pouco mais a ganhar, que venha a Bota de Ouro para os leões!

Foto de capa: Facebook de Bas Dost

 

 

Comentários