sporting cp cabeçalho 2Desde as eleições que alguns “notáveis”  leões parecem ter hibernado, tirando o Espadinha que durou mais uns dias até perceber que ninguém lhe passava cavaco.

Quem surgia diariamente com insultos, entrevistas e acusações desapareceu. Até mesmo “adeptos anónimos” de grupos afectos ao Sporting, que faziam publicações anti Bruno de Carvalho de meia em meia hora, deixaram de aparecer. Mas será que esses fervorosos Sportinguistas o são unicamente de uma forma circunstancial ou tinham algum tipo de interesse para só lutarem pelo Sporting naquele momento? Nunca saberemos, mas sabemos que muitos deles deixaram de ter internet em casa. Quanto a mim, nunca ficarei em casa, com ou sem internet desde que seja para defender o meu clube do coração.

Pelo menos sabemos que entrevistas diárias de muitos daqueles inocentes e desinteressados sócios não teremos nos próximos três anos e meio. Não teremos também flyers e panfletos. Depois desses três anos e meio, o inverno que agora começa nos reinos desses leões terminará, o sol voltará a surgir por entre as nuvens, e lá voltarão a acordar e sair das suas grutas frias e tristes para mais seis meses a tentar alimentar-se de ódios, disputas antigas, privilégios perdidos.

Assim se percebe que esses inocentes não lutam verdadeiramente pelo Sporting, mas pelos seus interesses. Lutam quando percebem que surge uma fragilidade na muralha do reino do leão que possam aproveitar para entrarem e poderem ganhar um lugar, de novo, em tão ambicionado condado.