logo-BnR.png

ÚLTIMA HORA:

Sporting

Portimonense SC 2-3 Sporting CP: Leões vencem já com destino traçado

A CRÓNICA: SEGUNDA PARTE TROUXE REVIRAVOLTA AO SPORTING CP

Depois do FC Porto ter garantido o título nacional cerca de uma hora antes, havia dúvidas como os leões se iriam apresentar frente ao Portimonense SC. Já os algarvios também já se apresentavam com o futuro definido, depois da manutenção matematicamente alcançada.

O Sporting entrou com mais posse e conseguiu chegar a vantagem cedo. Aos 12´, Tabata aproveitou uma bola perdida na grande área e apontou golo frente à sua antiga equipa.

Os leões acabaram por baixar o ritmo e aos 25´ levaram com o primeiro balde de água fria. À entrada da grande área leonina, Coates fez falta sobre Welinton Júnior e na cobrança, Carlinhos atirou para dentro da baliza de Adán, contando com a ajuda de um desvio na barreira.

Cinco minutos depois, o Portimonense chegou mesmo à vantagem. Mau passe de Gonçalo Inácio que acabou nos pés de Welinton e o avançado brasileiro conduziu a bola até às imediações da grande área adversária e fez um chapéu eficaz ao guarda redes do Sporting.

Nakajima ainda teve uma boa oportunidade nos pés, mas Adán negou o golo. Contudo, o Sporting acordou e até ao intervalo ainda teve duas grandes oportunidades: Tabata atirou à trave e Porro tentou surpreender ao primeiro poste Samuel, num livre lateral.

Na segunda parte, o Sporting tinha mais bola e andava mais perto da baliza do Portimonense, mas os algarvios também não descoravam o ataque.

Depois de algumas mexidas efetuadas por Rúben Amorim, os leões acabariam por chegar ao empate aos 71´. Sarabia, que tinha entrado um quarto de hora antes, deixou a bola à direita para Porro cruzar para a grande área. O ala espanhol cruzou para a grande área, Edwards não conseguiu efetuar o remate, mas Pablo Sarabia chegou à bola e atirou para o fundo da baliza.

O avançado espanhol estava endiabrado e cinco minutos depois completou a reviravolta para os leões. Desta vez, Tabata, na esquerda, cruzou para Sarabia que, livre de marcação, rematou cruzado para o terceiro golo do Sporting.

Até ao final da partida, foi o Sporting que esteve mais perto de voltar a marcar, mas o resultado já não se alterou.

 

A FIGURA

Pablo Sarabia Sporting
Fonte: Sebastião Rôxo / Bola na Rede

Pablo Sarabia – O internacional espanhol vai deixar saudades. Em pouco mais de meia hora em campo, entrou para virar o resultado com um bis. Oportuno, deu verticalidade e mais presença na área à equipa.

 

O FORA DE JOGO

Sporting
Fonte: Carlos Silva / Bola na Rede

Pedro Gonçalves – O extremo do Sporting não esteve ao seu melhor nível. Pouco ativo em jogo, e não foi relevante no processo ofensivo leonino. Acabou substituído perto da hora de jogo pelo homem do jogo.

 

ANÁLISE TÁTICA – PORTIMONENSE SC

Paulo Sérgio apostou num 4-4-2 que se transformava em 4-2-4 em momento ofensivo. Jocu era o médio mais recuado, com Carlinhos em posição mais adiantada no centro. Da Costa e Angulo funcionavam com médios alas, enquanto Nakajima exercia o papel de segundo avançado, tentando municiar Welinton.

 

11 INICIAL E PONTUAÇÕES

Samuel (6)

Lazaar (5)

Relvas (5)

Pedrão (5)

Moufi (5)

Jocú (5)

Carlinhos (6)

Da Costa (6)

Angulo (6)

Nakajima (5)

Welinton (7)

SUBS UTILIZADOS

Bruno Reis (5)

Fabrício (5)

Ewerton (-)

Luquinha (-)

 

ANÁLISE TÁTICA – SPORTING CP

Rúben Amorim apostou no habitual 3-4-3. Com um trio composto por Tabata, Pedro Gonçalves e Edwards, prometia haver muita mobilidade na frente de ataque. O brasileiro estava mais posicionado ao centro, com os colegas nos corredores esquerdo e direito, respetivamente. As alas, ocupadas por Porro e por Nuno Santos, municiaram o ataque leonino, mas também era um foco de instabilidade defensiva perante um adversário que tem bons executantes ofensivos.

 

11 INICIAL E PONTUAÇÕES

Adán (6)

Coates (6)

Gonçalo Inácio (5)

Matheus Reis (6)

Pedro Porro (7)

Nuno Santos (7)

João Palhinha (6)

Matheus Nunes (6)

Bruno Tabata (7)

Edwards (6)

Pedro Gonçalves (5)

SUBS UTILIZADOS

Esgaio (6)

Sarabia (8)

Ugarte (6)

Daniel Bragança (6)

Rodrigo Ribeiro (-)

 

 

 

 

 

Curioso em múltiplas áreas, o desporto não podia escapar do seu campo de interesses. O seu desporto favorito é o futebol, mas desde miúdo, passava as tardes de domingo a ver jogos de basquetebol, andebol, futsal e hóquei nacionais.

Curioso em múltiplas áreas, o desporto não podia escapar do seu campo de interesses. O seu desporto favorito é o futebol, mas desde miúdo, passava as tardes de domingo a ver jogos de basquetebol, andebol, futsal e hóquei nacionais.

[my_elementor_post_nav_output]

FC PORTO vs CD TONDELA