Anterior1 de 2Próximo

o passado tambem chuta

Quem é afinal aquela equipa que está surpreendentemente, e pela primeira vez, numa fase tão avançada da nossa querida Taça de Portugal? Pois bem: esse clube é, nada mais nada menos, que o Caldas Sport Clube. O clube está localizado nas Caldas da Rainha, tendo sido fundado no dia 15 de Maio de 1916.

Após 40 anos a militar nos escalões inferiores do nosso Futebol, o Caldas SC teve o seu primeiro grande momento histórico no ano de 1955.

Sem dúvida que a década de ouro do futebol deste clube centenário foi a década de 50/60. Em 1951/52 o clube sobe à 3ª Divisão Nacional, tendo subido depois à 2ª Divisão Nacional na época de 1953/54.

Na segunda época a militar na 2ª Divisão Nacional, o Caldas SC atinge um notável 2.º lugar, vendo-se assim “obrigado” a disputar com o Boavista FC – penúltimo classificado do Campeonato Nacional da 1ª Divisão de 1954/55, uma eliminatória de acesso à 1ª Divisão Nacional.

Anúncio Publicitário

As partidas das duas mãos, jogadas uma em casa do Caldas SC e outra no Boavista FC, terminaram empatadas, pelo que houve necessidade de disputar um jogo decisivo de desempate em campo neutro. O dia 26 de Junho de 1955 iria então tornar-se um dia histórico para o Caldas SC. O palco do jogo foi o Estádio Municipal da cidade de Coimbra, onde a equipa orientada pelo antigo internacional português Mariano Amaro venceu convincentemente os axadrezados por 4-1, garantindo assim um lugar entre os maiores clubes do Futebol Nacional, lugar onde permaneceu quatro épocas, de 1955/56 a 1958/59.

Esta era a equipa do Caldas Sport Clube que em 1956 atingiu a subida à 1ª Divisão Nacional Fonte: Caldas SC
Esta era a equipa do Caldas Sport Clube que em 1956 atingiu a subida à 1ª Divisão Nacional
Fonte: Caldas SC

No Campeonato Nacional da 1ª Divisão da época de 1957/58, o Caldas conseguiu a sua melhor classificação de sempre, com um sensacional décimo lugar.

Outro dos resultados históricos do clube foi o triunfo sobre o SL Benfica no Campo da Mata na época de 1957/58. Sensacionalmente, depois de estar em desvantagem por 0-2, a equipa caldense conseguiu suplantar os encarnados, vencendo por 3-2.

Anterior1 de 2Próximo

Comentários