Anúncio Publicitário

olheiro bnr

Após ter sido noticiada a saída de Rui Fonte, um dos melhores avançados da Liga NOS e, a par de André Silva, um dos melhores avançados portugueses da atualidade, importa agora olhar para o plantel do SC Braga e procurar futebolistas em ascensão. Numa primeira análise salta à vista, desde logo, Bruno Xadas, jogador que faz lembrar Bernardo Silva pela forma como conduz a bola pensando e executando a grande velocidade. Mas não é apenas em Xadas que reside o futuro deste SC Braga e, quiçá, do futebol português.

Franzino, com apenas 1,72m de altura e 62Kg de peso, número 71 na camisola e pé esquerdo da bola, encontramos Pedro Neto. O “menino”, acabado de terminar a época no escalão de juvenis está lá, junto dos “grandes”, no plantel da equipa principal do SC Braga. E é junto dos “grandes” que se percebe que ele só lhes fica atrás na idade; tudo o resto é fenomenal tendo em conta a sua idade e dá-nos uma (quase) certeza: dentro de pouco anos Pedro Neto poderá ter o mundo do futebol aos seus pés.

Anúncio Publicitário

Partindo da posição de extremo esquerdo (ou direito), Neto faz lembrar Podence pela sua capacidade de criar desequilíbrios junto à defesa adversária. Mas não é apenas a capacidade técnica e a irreverência típica da idade que fazem de Pedro Neto um futebolista especial; o que mais impressiona é, num jogador com apenas 17 anos de idade, a sua capacidade de tomada de decisão, de levantar a cabeça, ver o jogo, e decidir em função do contexto. Assim, o futebolista vianense faz verdadeiramente jus à máxima de Johann Cruyff: “Jogas futebol com a cabeça, as pernas estão lá para te ajudar”.

Pedro Neto ao serviço da seleção portuguesa de sub-18 Fonte: FPF
Pedro Neto ao serviço da seleção portuguesa de sub-18
Fonte: FPF

Com um currículo que inclui jogos ao serviço da seleção portuguesa de sub-17 e de sub-18, Pedro Neto soma ainda apenas sete minutos de jogo na Liga NOS 2017/18, cumpridos na primeira jornada, no Estádio da Luz, aquando da derrota do SC Braga por 3-1 frente ao SL Benfica. Na temporada transata Neto somou um total de 29 jogos (1881 minutos), a maioria dos quais ao serviço dos juvenis do SC Braga, tendo apontado um total de 18 golos.

Sendo ainda extremamente jovem a época 2017/18 deverá servir, acima de tudo, para adaptação ao escalão principal do futebol português. Inserido num contexto de maior exigência, espera-se que Pedro Neto evolua futebolisticamente e que Abel Ferreira seja o homem certo para lapidar um verdadeiro diamante em bruto. Caso tal se verifique, estaremos seguramente perante um caso sério de qualidade futebolística no panorama nacional e internacional.

Foto de Capa: SC Braga

artigo revisto por: Ana Ferreira

Anúncio Publicitário