O mercado de transferências abre no dia 1 de janeiro e o Sporting, para já, apresentou dois reforços – Francisco Geraldes e Luiz Phellype. O ponta de lança brasileiro chega a Alvalade com um contrato válido até 2024, com uma cláusula de rescisão de 60 M€, proveniente do FC Paços de Ferreira.

O mais recente reforço dos leões fez a sua formação no futebol brasileiro, no clube paulista Desportivo Brasil. No entanto, aos 19 anos rumou ao Futebol belga para servir o Standard Liège. Na temporada seguinte, mudou-se para Portugal, onde tem feito praticamente toda a sua carreira, com passagens pelo SC Beira-Mar, GD Estoril Praia, CD Feirense e Paços de Ferreira.

Em 2016, aventurou-se ainda no futebol angolano, vencendo um campeonato e uma Supertaça de Angola, marcando 13 golos em 32 jogos. O número “29” do Sporting representou o Paços de Ferreira nas últimas três temporadas, sendo uma peça importante para os “castores”. No total, somou 57 jogos oficiais e 23 golos, sendo que, na presente temporada, marcou nove golos e fez duas assistências em 15 partidas.

Já trabalha às ordens de Keizer e pode ser utilizado neste novo ano
Fonte: Sporting CP

Assim, aos 25 anos, Luiz Phellype dá o maior passo na sua carreira: representar o Sporting Clube de Portugal. O ponta de lança brasileiro chega para ser alternativa a Bas Dost e Fredy Montero, dado que Luc Castaignos está fora das contas de Marcel keizer.

O novo leão é forte no jogo aéreo, beneficiando da sua estatura de 1.88m, tecnicamente evoluído, rápido e letal dentro das áreas adversárias. Com este importante passo que o jovem brasileiro deu na sua carreira, espera-se que possa demonstrar o seu valor e dar o seu contributo para golos, vitórias e títulos, ao serviço do Sporting Clube de Portugal.

Foto de Capa: Sporting CP

Comentários