Anterior1 de 10Próximo

Cabeçalho modalidadesFórmula 1 é sinónimo de velocidade, ultrapassagens, rivalidades e corridas alucinantes. Ao longo dos anos, a memória de enormes Grandes Prémios leva-nos a dizer coisas como “antigamente é que era” ou “isto agora já não vale nada”. Mas o denominador comum das grandes corridas é o mesmo: a vontade de vencer, grandes pilotos, grandes carros e grandes equipas. O Bola na Rede juntou as 10 melhores etapas de Fórmula 1 dos últimos 31 anos. Desde Senna e Piquet até Raikkonen e Hamilton, são alguns dos Grandes Prémios que fizeram os corações bater mais depressa e escreveram a tinta permanente o seu lugar na história da modalidade.

10. 

[ot-video type=”youtube” url=”https://youtu.be/bLozqekEnGQ”]

Grande Prémio da Europa, Nürburgring, 1995 – A chuva é sempre um aditivo picante num Grande Prémio de Fórmula 1. E esta prova europeia de 1995, que teve lugar no circuito de Nürburgring, não foi exceção. Michael Schumacher, ainda com as cores da Benetton, estava 24 segundos atrás do Ferrari de Jean Alesi. As últimas voltas do alemão foram completamente desenfreadas, numa tentativa aparentemente louca de ainda ultrapassar o italiano. E conseguiu. Um pequeno erro de Alesi foi a chance de que Schumacher precisava para o passar numa das últimas curvas. “Shumi” venceu, tal como viria a vencer o Campeonato do Mundo daquele ano, o segundo título da carreira.

Anterior1 de 10Próximo

Comentários