A quinta jornada do campeonato angolano jogou-se no fim-de-semana de 8 e 9 dezembro, e conteve muitos golos e festa nos distintos estádios onde se disputaram as partidas desta ronda.

O D’Agosto não teve uma tarefa fácil, mas conseguiu vencer o seu compromisso. Após a eliminação a meio da semana da Liga dos Campeões africana, a equipa de Dragan Jovic queria ganhar para esquecer a derrota sofrida no Congo, frente ao Otôho d’Oyo. Na ida à casa da Académica do Lobito, os “Militares” tiveram de suar e sofrer para garantir os três pontos –  acabou por vencer pela margem mínima, graças ao golo de Mongó no decorrer da segunda parte. Assim, o atual tricampeão angolano mantém o primeiro lugar da classificação, com 13 pontos conquistados.

O avançado brasileiro Tiago Azulão esteve em destaque frente ao Rec. da Caála, apontando os dois golos da vitória do Petro
Fonte: Petro de Luanda

O Petro não ficou atrás, e também saiu bem-sucedido do seu jogo. A receção ao Recreativo da Caála foi superada com sucesso, devido a um jogador que teve em destaque: o avançado Tiago Azulão exibiu-se a alto nível, sendo o autor dos dois golos que permitiram ao conjunto petrolífero vencer. Os comandados de Beto Bianchi ultrapassaram o Progresso na tabela classificativa, e estão neste momento em segundo, a dois pontos do seu eterno rival.

O Recreativo do Libolo continua a ter dificuldades em confirmar a candidatura ao título. Em mais um jogo do Girabola, a turma do Calulo empatou a uma bola com o Sagrada Esperança, mas só alcançou o empate em tempo de compensação – o Sagrada teve a vencer por 0-1, mas um penálti bem convertido por Sidney em cima do apito final igualou o marcador. Com este ponto conquistado, o Libolo chega aos cinco pontos já amealhados.

O Kabuscorp voltou a terminar a jornada sem somar os três pontos. Na ida à casa do Santa Rita de Cássia, o conjunto do bairro do Palanca adianta se adiantou no marcador por Ebunga, mas o golo de Lelê a 10 minutos do fim, não deixou o Kabuscorp retomar ao caminho das vitórias. O empate faz com que os homens à ordem do português Paulo Torres alcancem os cinco pontos.

Nos outros jogos da jornada, o Saurimo FC perdeu por 0-1 em casa com o Sp. Cabinda, resultado idêntico a favor do Interclube na visita ao estádio do ASA. As outras duas partidas terminaram empatadas: Progresso do Sambizanga 1-1 Bravos do Maquis e Cuando Cubango 0-0 Desp. Huíla.

Em suma, não houve grandes alterações no topo do Girabola’19, com D’Agosto e Petro a fazerem prevalecer a “lei do mais forte” e a vencerem os seus compromissos. Os outros crónicos candidatos, Kabuscorp e Libolo, vão tendo dificuldades em mostrar o seu valor, desperdiçando pontos nos primeiros jogos, que no futuro poderão fazer falta. Será que irão conseguir recuperar? Iremos descobrir nas próximas partidas!

Foto de capa: 1.º de Agosto

 

Comentários