Anúncio Publicitário

Cabeçalho Liga Alemã

“3. Liga – nie mehr, nie mehr!” (3.ª divisão – nunca mais, nunca mais) – Foi este o grito de “guerra” que ecoou um pouco por todos os estádios da 3. Liga alemã esta temporada sempre que o SG Dynamo Dresden actuava na condição de equipa visitante ou sempre que jogava em casa, apoiado por mais de 20 mil frenéticos adeptos. Foi também com estas palavras de ordem que o capitão de equipa, Michael Hefele, “puxou” pelos seus companheiros, enquanto faziam a viagem de regresso a Dresden no autocarro da equipa após o empate a duas bolas frente aos rivais de longa data, 1. FC Magdeburg, empate esse que garantiu à equipa a subida ao segundo escalão do futebol alemão, no passado Sábado, 16 de Abril, à tarde.

A MDCC-Arena, em Magdeburgo, serviu de palco ao embate entre duas antigas potências do futebol alemão e europeu, mas que, pelos dias de hoje, militam, esquecidos pelo tempo, na 3.ª divisão do futebol germânico. “Traídos” pela reunificação das Alemanhas há mais de um quarto de século atrás, o 1.FC Magdeburg e o SGD Dynamo Dresden nunca mais se conseguiram impor na alta roda do futebol alemão, e os últimos anos têm sido particularmente penosos para ambos os emblemas. Perante 21.954 espectadores, estes dois grandes emblemas de outrora proporcionaram um bom espectáculo de futebol, que culminou com a festa de subida de divisão da formação de Dresden.

Anúncio Publicitário

Os homens da casa dominaram na primeira metade do jogo e foi com alguma naturalidade que chegaram ao intervalo a vencer por 1-0, graças a um golo da autoria de Michel Niemeyer no minuto 41′ da partida. Os vencedores da extinta Taça das Taças no longínquo ano de 1974 voltaram a entrar forte no segundo tempo e chegaram ao 2-0 pelo antigo internacional de Sub-18 alemão Manuel Farrona-Pulido, que após a cobrança de um livre para a área aproveitou da melhor maneira alguma desorientação na defesa do SD Dynamo Dresden para bater Patrick Wiegers pela segunda vez.

Momentos antes do apito inicial do jogo entre o  1.FC Magdeburg e o SGD Dynamo Dresden do passado dia 16 de Abril Fonte: spiegel.de
Momentos antes do apito inicial do jogo entre o 1.FC Magdeburg e o SGD Dynamo Dresden do passado dia 16 de Abril
Fonte: spiegel.de

Os visitantes, por seu lado, sabiam que o VfL Osnabrück estava empatado com o FSV Mainz II em casa por essa altura e que continuavam apenas a necessitar de fazer um ponto para assegurar desde logo a subida à 2. Bundesliga e, por isso, os pupilos de Uwe Neuhaus colocaram mãos à obra em busca do resultado. Os suspeitos do costume, Pascal “Paco” Testroet e Justin Eilers (o seu 20.º golo esta temporada), empataram o jogo para o Dynamo em apenas quatro minutos, levando à quase loucura os adeptos, que, com um entusiasmo contagiante, apoiavam a equipa na MDCC-Arena e a alguns quilómetros de distância, em Dresden, num ecrã gigante que o clube montou no seu próprio estádio para todos aqueles que não puderam fazer a viagem até Magdeburgo. Com pouco mais de 20 minutos até ao final, as duas equipas beneficiaram ainda de várias situações para marcar, mas o 2-2 manteve-se inalterado até ao último apito do árbitro.

Anúncio Publicitário