ÚLTIMA HORA:

Paris Saint-Germain x LOSC Lille

Paris Saint-Germain FC 2-1 LOSC Lille: Qualidade individual volta a salvar coletivo parisiense fraquíssimo

 A CRÓNICA: MAIS UM CLÁSSICO, MAIS UMA REMONTADA ÉPICA

A Liga Francesa estava de volta e o Paris Saint-Germain FC tinha uma missão: garantir os três pontos e evitar a terceira derrota consecutiva frente ao LOSC Lille, os campeões em título.

A elite capitalista contra o trabalho árduo e honesto. Mantinha-se no ar uma pergunta: o que aconteceria agora, depois de milhões e milhões injetados na máquina parisiense? O que aconteceria no terceiro jogo?

58 segundos e já víamos Gianluigi Donnarumma a voar. Que primeira parte paupérrima do Paris Saint-Germain: demonstraram uma equipa fragmentada, pouco agressiva e muito mal organizada. Que equipa era esta?.. Entretanto, os “dogues” passam a pitbulls, ladram mais alto e, trinta minutos depois, mordem a presa. Após uma jogada trabalhada, Jonathan David marca tranquilamente e faz justiça à superioridade do Lille.

Antes de arrancar a segunda parte, Lionel Messi é substituído por Mauro Icardi. Que estranho, estará lesionado? Numa altura em que a equipa do Paris Saint-Germain perde e precisa de golos, não há muito que justifique essa estranha alteração.

Prosseguia o recital melódico do Lille e o segundo golo só não chegou por milagre! Nessa perspetiva, os parisienses começavam a encarar um cenário de possível derrota, se nada mudasse. A “sorte” é que mudou e dar-se-ia uma reviravolta épica. Aos 74 minutos, Marquinhos faz o golo do empate, depois de um toque “di magia” de Ángel e o Parc des Princes transforma-se num verdadeiro caldeirão. Mas ainda faltava um golo e onde estava ele?

Já muito perto do apito final, emerge uma brisa de esperança. Um último suspiro de Ángel Di Maria, numa altura em que já poucos acreditavam. Inicia a jogada, tabela com Neymar Jr. e remata com todo o seu esforço para o 2-1, levando o estádio à loucura extrema. Uma vitória injusta, mas mágica para o PSG, deixando cair por terra a performance sublime do LOSC Lille…

 

A FIGURA

Ángel Di Maria (Paris Saint-Germain FC) – O herói da noite. Após uma performance coletiva muito pobre, só ganharam graças a Deus e Di María. Literalmente. Com uma assistência e um golo muito perto do sopro final, o internacional argentino foi indispensável nesta remontada épica, frente aos campeões em título LOSC Lille. Que jogo e que exibição de Di María.

 

O FORA DE JOGO

Primeira parte do PSG – Durante os primeiros 45 minutos (e grande parte do segundo tempo), o PSG foi uma equipa muito inferior à do LOSC Lille com inúmeras fragilidades evidentes. A tentativa de um coletivo harmonioso falhou uma vez mais e este jogo (sobretudo, a primeira parte) expôs essa realidade a olhos vistos. A qualidade individual volta a salvar o PSG. E novidades?

 

ANÁLISE TÁTICA – PARIS SAINT-GERMAIN FC

Com a finalidade em agarrar os três pontos e derrotar os campeões em título, o Paris Saint-Germain alinhou-se num 4-3-3, com os três da frente mais soltos das tarefas defensivas. A estratégia foi por água abaixo. Durante a maior parte do jogo, não correu nada bem, sobretudo para os médios e a sua incapacidade em pressionar. Entraram muito mal na partida, cederam o controlo ao adversário e sofreram inúmeras dificuldades em travar a transição ofensiva do LOSC Lille. Já no segundo tempo, a entrada de Nuno Mendes foi decisiva ao dar um novo alento ao flanco esquerdo devido à sua capacidade de combinação com Neymar Jr. e Ángel Di Maria.

11 INICIAL E PONTUAÇÕES

Gianluigi Donnarumma (7)

Juan Bernat (5)

Presnel Kimpembe (6)

Marquinhos (7)

Thilo Kehrer (5)

Idrissa Gueye (6)

Danilo Pereira (7)

Georginio Wijnaldum (6)

Neymar (7)

Lionel Messi (5)

Ángel Di María (9) 

SUBS UTILIZADOS

Mauro Icardi (5)

Nuno Mendes (7)

Colin Dagba (6)

Julian Draxler (6)

Ander Herrera (-)

 

ANÁLISE TÁTICA – LOSC LILLE

Foi uma grande exibição do LOSC Lille perante o Paris Saint-Germain, sem medos e com uma vontade incansável. Desde o apito inicial que se apresentaram e defenderam em 4-4-2. No entanto, o que se destacou foi a sua transição ofensiva impecável. Condicionaram o passe curto no meio-campo adversário, aproveitaram os erros do PSG e conseguiam chegar com muita facilidade e rapidez ao último terço.

É importante referir ainda o trabalho de Renato Sanches ao ser uma peça fundamental da espinha dorsal do clube e um dos melhores jogadores em campo. Que exibição incrível. Apesar de tudo, foi um jogo muito bem conseguido pelo LOSC Lille.

11 INICIAL E PONTUAÇÕES

Ivo Grbic (6)

Reinildo Isnard Mandava (6)

Tiago Djaló (6)

José Fonte (7)

Zeki Çelik (6)

Jonathan Bamba (5)

Renato Sanches (8)

Xeka (7)

Jonathan Ikoné (7)

Burak Yilmaz (7)

Jonathan David (7) 

SUBS UTILIZADOS

Amadou Onana (5)

Timothy Weah (6)

Yusuf Yazizi (-)

Componente 5 – 1 (1)

Desde pequeno que o desporto lhe corre nas veias. Foi jogador de futsal, futebol e mais tarde tornou-se um dos poucos atletas de Futebol Freestyle, alcançando oficialmente o Top 16 de Portugal. Atualmente, o Diogo está na Universidade Católica a estudar Comunicação Social com o objetivo de seguir uma carreira na área do jornalismo desportivo, sendo o futebol a sua verdadeira paixão.                                                                                                                                                 O Diogo escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.

Desde pequeno que o desporto lhe corre nas veias. Foi jogador de futsal, futebol e mais tarde tornou-se um dos poucos atletas de Futebol Freestyle, alcançando oficialmente o Top 16 de Portugal. Atualmente, o Diogo está na Universidade Católica a estudar Comunicação Social com o objetivo de seguir uma carreira na área do jornalismo desportivo, sendo o futebol a sua verdadeira paixão.                                                                                                                                                 O Diogo escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.

[my_elementor_post_nav_output]

FC PORTO vs CD TONDELA

  • 00DIAS
  • 00HORAS
  • 00MINUTOS
  • 00SEGUNDOS
FC PORTO x ESTORIL PRAIA
SPORTING CP x SANTA CLARA
PAÇOS FERREIRA x SL BENFICA