Anterior1 de 5Próximo

Há quem nunca vá ao estádio, menos a meio da semana. Quem não vê os resumos, menos os de quarta-feira à noite. Ou até quem não goste de ver futebol, menos o da Liga dos Campeões.

Na semana em que regressa o futebol da Champions League, o entusiasmo e a antecipação não param de crescer.

CALOR, CERVEJA E… CHAMPIONS! QUEM VAI VIAJAR ATÉ LISBOA À PROCURA DO CANECO MAIS APETECÍVEL DO FUTEBOL DE CLUBES? SE TENS A RESPOSTA, APOSTA JÁ EM BET.PT!

São oito os emblemas que precisam de derrotar os respetivos adversários para conseguir aceder à inédita final 8 que vai decorrer em Portugal. Certamente que nenhum dos intervenientes ambiciona perder o carimbo no passaporte para Lisboa, a cidade onde as melhores equipas do mundo querem passar o mês de Agosto.

Anúncio Publicitário

O debate prognóstico intensifica-se na redes sociais: afinal, quem se vai juntar ao Atlético de Madrid, Atalanta, RB Leipzig e Paris Saint-Germain nos quartos de final da Champions League?

Em jeito de antevisão ao que resta dos oitavos-de-final, o Bola na Rede tenta desmistificar quais serão os jogadores decisivos nos quatro jogos antes da viagem para a capital portuguesa.

Anterior1 de 5Próximo

Comentários

Artigo anteriorSL Benfica 2019/2020: A análise do plantel ao detalhe
Próximo artigo4 equipas que se «salvaram» na secretaria
O Diogo é licenciado em Jornalismo pela Universidade Católica. Também tirou o curso de árbitro na Associação de Futebol de Lisboa. Tinha 8 anos quando começou a perceber a emoção que o desporto movia. No espaço de quinze dias, observou a família a chorar de alegria o golo do Miguel Garcia em Alkmaar, a tristeza da derrota em Alvalade contra o CSKA o ensurdecedor apoio dos adeptos do Liverpool enquanto perdiam a final da Liga dos Campeões por 3-0. Hoje, e cada vez mais apaixonado por futebol, continua a desenhar o seu percurso para tentar devolver a esta indústria tudo o que dela já recebeu.                                                                                                                                                 O Diogo escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.