SCUDERIA ALPHATAURI 

Com a possibilidade de ver o seu nome trocado várias vezes durante a época que se avizinha, a Scuderia AlphaTauri (ex-Toro Rosso), vai procurar repetir a dose de 2019. Procura-se pelo menos o mesmo, porque foi o melhor ano da história da irmã mais nova da Red Bull.

Conseguiram dois pódios, e terminaram em sexto lugar no campeonato, a uma unha negra de apanhar a Renault em quinto, tudo isto, num ano em que se esperava que não passassem de cobaias para os motores Honda da equipa principal.

Os pilotos serão os mesmos, Daniil Kvyat terá de mostrar mais do que fez na primeira metade da época passada em vez do que fez no final, que não foi muito, e Pierre Gasly terá de continuar a mostrar que o que aconteceu na RedBull foi um mero tropeção e que é o piloto de grande qualidade que todos julgávamos que ele era. Como sempre, esta equipa tem todo o potencial para estar muitas vezes nos pontos.

Continuar o trabalho de 2019 da Toro Rosso é certamente o objetivo para a AlphaTauri.
Fonte: Formula 1