ÚLTIMA HORA:

Major CS: GO

Major CS:GO: Campeões invictos pela primeira vez na história

Ontem, no dia oito, jogou-se o primeiro Major de CS:GO em dois anos. Foi o primeiro grande evento com público desde a pandemia e toda a gente estava com altas expetativas.

Apenas as últimas oito equipas jogaram no palco, porém, a prizepool de dois milhões de dólares será dividida por 16 equipas. Major, Majoraj

Este evento bateu recordes, dado que foi o evento de CS:GO com mais visualizações em simultâneo de sempre. O recorde foi estabelecido no último mapa da competição, com mais de 2.57 milhões de pessoas em simultâneo a ver o jogo.

Assim que chegamos à final, esta competição prometia acabar com um fardo. Major

NiKo e s1mple são dois dos melhores jogadores da história e nenhum deles havia ganho a competição mais conceituada do jogo. Até hoje. Um dos dois iria terminar este incómodo que carregam, até porque ambos já estiveram na final de Majors anteriores e não conseguiram vencer. Major

Ditou o destino que os NAVI tivessem uma vitória “tranquila” por 2-0. O jogo começou no mapa Ancient e a equipa da zona CIS entrou logo a ganhar 16-11 com uma atuação incrível de s1mple (quem mais poderia ser, não é?). O ucraniano matou 32 vezes e morreu apenas 17, com um valor de dano dado por ronda de 107.9.

A final seguiu no mapa Nuke e este foi um dos mapas mais emocionantes da competição inteira (apenas perdendo talvez para o Inferno entre G2 e Heroic nas meias-finais).

Foi a duplo prolongamento e a equipa dos G2 anteriormente esteve a vencer por 15-10, com cinco map points, acabando por vacilar (inclusive NiKo na ronda 28, em que falhou três balas de deagle em s1mple, que estava de costas).

Os NAVI levaram assim para o desempate em dois prolongamentos, no qual venceram por 3-1 no segundo.

Tornaram-se assim nos primeiros campeões invictos na história dos Majors, ou seja, não perderam um único mapa ao longo do torneio. Nem sequer os Astralis conseguiram este feito ao longo da sua dinastia (recorde-se que venceram quatro desde 2017 até 2019).

Dado isto, é seguro dizer que a equipa da zona CIS é, com alguma distância, a melhor de todas e que conseguem exercer dominância sobre qualquer equipa que apareça à sua frente (menos no Vertigo, porque ainda não conseguem jogar lá).

O MVPfoi o mesmo de sempre.

Oleksandr Kostyliev é o seu nome. Cada vez mais constrói o seu estatuto e já diversos jogadores profissionais o consideram o melhor e maior de sempre.

Este Major vem dar argumentos a quem o defende. Tem vindo a dominar os últimos torneios e este Major não foi diferente.

O seu Rating 2.0 da HLTV.org foi o maior do torneio, com 1.47 (NiKo surge em segundo com 1.36). A diferença de K/D foi a maior do torneio, com +106, enquanto ZywOo aparece em segundo apenas com +71.

Mas, estatísticas à parte, é o jogador mais completo. Além do seu papel normal como AWPer, consegue ser suporte, consegue ser entry fragger, consegue ser aquilo que a equipa precisa. É um jogador extremamente completo, apenas com 24 anos. Tem uma grande equipa por trás dele, mas ele é claramente o destaque e demonstrou-o nesta final.

Dentro do Top 3 de melhores jogadores, entram NiKo e B1T.

O bósnio quase carregou a sua equipa até à final, foi o jogador do torneio com o maior dano dado por ronda, um total de 96.0, à frente de s1mple que “apenas” teve 93.8.

Foi também o jogador com mais kills de abertura por ronda, o que demonstra um pouco do papel que fez, foi entry fragger e com muita qualidade a abrir pixéis, já é um clássico de NiKo. Sempre (ou quase sempre) com a mira no lugar certo, talvez o melhor do mundo neste aspeto.

Já B1T comportou-se muito bem, especialmente tendo em conta que este foi o seu primeiro Major. Foi o segundo homem perfeito para s1mple, sendo um dos jogadores com maior diferença de K/D no torneio e o jogador com maior percentagem de headshots por ronda. Teve um valor de 0.53, enquanto NiKo teve 0.46.

A “maldição” de s1mple acaba assim por cair por terra, tendo sido merecidamente vencedor do torneio. Já NiKo terá de continuar a lutar na equipa que tem à sua volta, ao lado do primo huNter, nos G2 Esports.

Foto de capa: PGL Esports

Major

Componente 5 – 1 (1)

É apaixonado por futebol desde cedo, tendo praticado durante uns tempos e, nos últimos anos, descobriu novas paixões: a NBA e os eSports.                                                                                                                                                 O Henrique escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.

É apaixonado por futebol desde cedo, tendo praticado durante uns tempos e, nos últimos anos, descobriu novas paixões: a NBA e os eSports.                                                                                                                                                 O Henrique escreve ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.

[my_elementor_post_nav_output]

FC PORTO vs CD TONDELA

  • 00DIAS
  • 00HORAS
  • 00MINUTOS
  • 00SEGUNDOS
FC PORTO x ESTORIL PRAIA
SPORTING CP x SANTA CLARA
PAÇOS FERREIRA x SL BENFICA