cab futsal

O Benfica ganhou o dérbi frente ao Sporting. O Benfica ganhou o dérbi frente ao Sporting.
Respirem… Eu sei que já se passou uma semana mas não consegui ouvir falar de outra coisa que não isto mesmo nos últimos tempos. Pode parecer que a primeira frase está repetida, mas as pessoas mais atentas sabem que não está. O que aconteceu na realidade foi a repetição do desfecho, primeiro na luz e depois no pavilhão Paz e Amizade em Loures, em que o Benfica ganhou.

Mas há diferenças nas duas vitórias. Primeiro porque eu estava na luz e quando eu estou no estádio os jogadores sentem e sabem que não podem perder. Eu posso jurar que o Cardozo me mandou uma mensagem a perguntar se eu ia ao estádio para informar o Jesus se estava em condições de jogar ou não. Reparem que ele a festejar cada um dos 3 golos olhou para mim e agradeceu-me: “muchas gracias pedrito, perdona yo estava un millimetro fuera-de-juego” – vocês sabem que o Cardozo é um rapaz que gosta de estar sempre em jogo e quando acontecem situações destas ele é sempre a mesma coisa e vem-me logo pedir desculpas. Eu perdooei-o na hora “Oh Óscar não te preocupes que eles têm o Montero e compreendem a tua situação” – mentira, não compreendem nada.

Anúncio Publicitário
Cardozo a mostrar que sabe contar até 3 http://copy.pnn.pt/noticias_imagens/cardozo7.jpg
Cardozo a mostrar que sabe contar até 3
Fonte: pnn.pt

Engraçado que nesse mesmo jogo o Patrício volta a fazer das suas, esse Patrício sempre a dar-me razões para escrever! Contra Israel achei de mau tom, acho que foi mal educado com os colegas de equipa, estava farto de saber que jogava com os de vermelho e não com os de branco. Ele finalmente percebeu! Para bem da selecção nacional e para bem de todos os benfiquistas ele agora já não se engana, joga sempre com os que estão de vermelho e assim não há stresses.
Para mim a maior diferença entre um dérbi e o outro foi mesmo o tempo. Os sportinguistas bem que se podem queixar do tempo nos dérbis, se o jogo da luz tivesse só 40 minutos (duração de uma partida de futsal) tinham empatado 1-1. E agora a coisa chata de admitir… E se o jogo no pavilhão Paz e Amizade tivesse 120 minutos provavelmente tinha ganho o Sporting.

Bruno Coelho foi uma das figuras do jogo. Fonte: Slbenfica.pt
Bruno Coelho foi uma das figuras do jogo.
Fonte: Slbenfica.pt

Agora vocês perguntam “porquê?” – e perguntam porquê porque eu não tenho por hábito admitir possíveis vitórias do Sporting frente ao glorioso – porque no jogo de futsal o Benfica esteve a ganhar por 8-3 a minutos do fim, e o jogo acaba 8-7 com os jogadores do meu clube de cabeça baixa com cara de quem está com prisão de ventre. Não duvidem, bastava mais um minuto ou dois e uma vantagem confortável de 5 golos, 5 golos! Desmoronava-se mais depressa do que a confiança do Rui Patrício quando vê que o Cardozo joga de início (e olhem que isso é difícil).

Veia saliente nº3 da cabeça do Luisão a cabecear para o golo https://fbcdn-sphotos-h-a.akamaihd.net/hphotos-ak-ash4/1393710_10153456546090716_549088843_n.jpg
Veia saliente nº3 da cabeça do Luisão a cabecear para o golo
Fonte: ASF

PS: Queria só dedicar este texto à nuca do Luisão que me proporcionou o momento da noite de Sábado passado, não pelo festejo efusivo que devia ter causado mas sim pelo sentimento de confusão e gozo. Eu estava na outra ponta do estádio e não percebi nada do que se tinha passado. Hoje, uma semana depois, continuo sem perceber.