cab futsal

 

Estando nós na reta final de 2015 e prestes a dar entrada num novo ano, vou ao longo deste texto antecipar aquilo que teremos pela frente no ano de 2016, com especial incidência para os compromissos da nossa Seleção Nacional, mas não esquecendo as competições nacionais e, por fim, a participação do SL Benfica na final four da UEFA Futsal Cup.

Para começar, a Liga Sport Zone, onde o SL Benfica tentará revalidar o troféu conquistado na época anterior. Para já, está bem encaminhado, ocupando o primeiro lugar isolado na fase regular ao cabo de 14 jornadas, com mais três pontos que o segundo classificado, o Sporting CP, sendo seguidos pelo sensacional Burinhosa, a realizar um campeonato autenticamente fabuloso, e também pelo Sporting de Braga. É certo que o posicionamento no fim desta fase regular não decide nada, mas dá a vantagem que pode ser decisiva: o facto de poder, numa equilibrada final, jogar o quinto, e porventura decisivo, jogo no seu próprio pavilhão. Parece-me mais ou menos óbvio que, salvo alguma surpresa de última hora, iremos ter uma final entre Sporting CP e SL Benfica, que promete uma série de grandes jogos, decididos por pequenos detalhes que podem fazer toda a diferença.

Anúncio Publicitário

A Taça de Portugal só conta com a presença de equipas da primeira divisão em meados de janeiro, logo, ainda é um pouco cedo para falar sobre eventuais candidatos a suceder ao Benfica na lista de vencedores da prova. A Taça da Liga já foi também alvo de análise da minha parte num artigo anterior, não havendo novidades desde então. Na UEFA Futsal Cup, o Benfica tem três adversários de grande qualidade pela frente na final four, entre os quais o Inter Movistar, de Ricardinho e Cardinal, que é quase unanimemente apontado como o grande favorito a vencer a competição, embora as águias possam ter uma palavra a dizer; basta um pouco de sorte no sorteio para evitar o tubarão espanhol logo nas meias-finais, e depois logo se verá.

A grande figura do Inter Movistar e da seleção nacional Fonte: Facebook Ricardinho
A grande figura do Inter Movistar e da seleção nacional
Fonte: Facebook Ricardinho

Em termos da Seleção Nacional, 2016 é ano de campeonato da Europa, logo em fevereiro, na Sérvia, e de Campeonato do Mundo, que irá ter lugar entre 10 de setembro e 1 de outubro do próximo ano, na Colômbia. Se já temos lugar assegurado no Europeu, que reúne as 12 melhores seleções do Velho Continente, para chegar ao Mundial é necessário ultrapassar o play-off, onde Portugal é cabeça-de-série, como tal, evitando as melhores equipas europeias, acalentando assim boas esperanças de poder repetir a já habitual presença portuguesa em grandes competições.

Como puderam perceber, 2016 será um ano decisivo para a afirmação de Portugal como potência no Futsal, pois nos Balcãs tem uma boa oportunidade para poder finalmente ser campeão e aproveitar esta geração de ouro repleta de qualidade, que já merece um título. Se 2014 e 2015 foram anos de ouro para o Ténis de Mesa português e 2015 para o Futebol de Praia, porque não pode 2016 ser o ano do Futsal?

Imagem de capa: Sporting CP

Comentários