Anterior1 de 4Próximo

Bears 24-20 Lions: Bears continuam a vencer

Os Bears parecem ter mudado um pouco desde a derrota frente aos Rams na jornada 11.

Desde esse embate frente à equipa de LA, Chicago (e Mitchell Trubisky) têm mostrado uma outra dinâmica ofensiva e esta manteve-se frente a Detroit. Depois de entrarem a vencer, os Lions deram a volta e no final do primeiro quarto já venciam por 7-14, uma vantagem que chegaria mesmo aos 7-17.

No entanto, liderados por Mitchell Trubisky (29 passes em 38 tentativas para 338 jardas, três touchdowns e uma interceção), os Bears conseguiram recuperar e chegaram à vitória já no último quarto.

Duas vitórias consecutivas que deixam Chicago com seis vitórias e seis derrotas. Numa altura complicada da época em que muitos achavam que era o fim de Trubisky nos Bears, o quarterback recuperou e vê agora a sua equipa em oitavo lugar da NFC com o mesmo registo que os Cowboys.

Bills 26-15 Cowboys: Terceira vitória consecutiva

Segunda semana consecutiva que os Dallas Cowboys perdem por falhas flagrantes da sua equipa técnica e do seu quarterback.

Tal como aqui já foi referido várias vezes, a equipa técnica de Dallas parece ter os dias contados. Têm sido vários os relatos de que Jason Garrett ficará até ao fim da época, mas que esta será mesmo a última ao comando da equipa.

Contudo, e apesar de muitas vezes parecer que não, o desempenho desportivo é o mais importante para os Cowboys e esse tem sido tudo menos ideal. Frente a uma equipa de Buffalo muito coesa, os texanos tiveram muitas dificuldades no plano defensivo. Para piorar, Josh Allen, quarterback dos Bills está a atravessar o melhor momento de forma da sua carreira e mais uma vez levou a sua equipa à vitória.

Focando na equipa de Buffalo, com este resultado somam agora nove vitórias e três derrotas e já poucos duvidam do seu apuramento para os playoffs.

Saints 26-28 Falcons: Saints vencem a NFC Sul

Ao vencerem os Falcons, os Saints garantiram a conquista da NFC Sul e foram a primeira equipa a confirmar a conquista de uma divisão.

Sem Julio Jones, os Falcons ficaram sem a sua principal arma ofensiva e num ataque tão focado no passe como o de Atlanta, isso acabou por ser determinante para o resultado final. Os Saints dominaram a partida de início ao fim e com Cam Jordan a ter uma partida inspirada (terminaria com quatro sacks sobre Matt Ryan), nunca houve grande dúvida sobre quem sairia com a vitória do Mercedes-Benz Stadium em Atlanta.

Com este resultado colocaram-se em brande posição para tentarem vencer a conferência.

Titans 31-17 Colts: Titans continuam a ganhar

Foi a primeira vez desde 2008 que Tennessee bateu os Colts e os Titans estão agora na luta pelo playoffs.

Depois de um início de época menos positivo com Marcus Mariota a comandar o seu ataque, o treinador Mike Vrabel decidiu colocar o experiente Ryan Tannehill no leme e agora começa a colher os frutos dessa decisão.

Desde esse momento, os Titans vão num parcial de cinco vitórias e uma derrota e com este resultado colocam-se na luta pelos playoffs juntamente com o Pittsburgh e Houston.

Nesta partida a sua defesa voltou a assumir um papel determinante. No início do terceiro quarto, Tennessee via-se a perder por 7-17 e aí começou a reviravolta, ao marcar 24 pontos sem resposta para conseguirem a sua terceira vitória seguida, a quarta nos últimos cinco jogos.

A corrida pelos playoffs na AFC Sul está mais aberta que sempre, e se Pittsburgh e Houston não tiverem cuidado, os Titans podem surpreender.

Anterior1 de 4Próximo

Comentários