Anterior2 de 2Próximo

Casos à parte, Ali Carter segue em frente e o Rocket acaba mesmo por abandonar a prova logo nos Oitavos-de-Final. Se, na perspectiva da esmagadora maioria dos adeptos, a prova fica mais pobre depois da saída de Mark Selby e Ronnie O’Sullivan, certo é que se abrem portas para outros jogadores brilharem.

E a realidade é que existem vários jogadores a demonstrar vontade e capacidade para o fazer.

Ding Junhui, depois de uma vitória larga sobre o seu compatriota Xiao Guodong (10-3), voltou a estar a grande nível e bateu com facilidade Anthony McGill (13-4). Ainda com um resultado mais expressivo, John Higgins afastou Jack Lisowski (13-1) e parece ser agora um dos principais candidatos à vitória final. Também com um resultado folgado, Kyren Wilson tem deslumbrado os fãs com as suas exibições e nesta ronda deixou para trás Jamie Jones (13-5).

John Higgins esmagou Jack Lisowski e é agora um dos principais favoritos à vitória final
Fonte: World Snooker

Joe Perry, depois do brilharete na primeira ronda, onde eliminou Mark Selby, acaba por se ver afastado da competição depois de ser derrotado por Mark Allen (13-8).

Judd Trump e Mark Williams carimbam a presença na próxima fase depois de vitórias frente a Ricky Walden (13-9) e Robert Milkins (13-7), respectivamente.

Anúncio Publicitário

Naquele que acabou por ser o jogo mais equilibrado dos Oitavos-de-Final, Barry Hawkins fez valer a sua maior experiência e bateu o jovem Lyu Haotian por 13-10, qualificando-se pela sexta vez consecutiva para os Quartos-de-Final. Apesar da derrota, o chinês voltou a demonstrar muita qualidade e, tendo em conta que tem apenas 20 anos, podemos imaginar que vamos ouvir falar muito dele no futuro.

O Campeonato do Mundo não para e já esta Terça-Feira começam a disputar-se os encontros dos Quartos-de-Final.

Calendário Quartos-de-Final
Fonte: Diogo Reganha (Bola na Rede)
Anterior2 de 2Próximo

Comentários