Às vezes é preciso perder para depois se ganhar, SL Benfica…

O SL Benfica vivia, até à derrota frente ao Portimonense SC, um dos melhores arranques da história. Foi apenas à oitava jornada do campeonato que os encarnados caíram (e com estrondo), pela primeira vez nesta temporada.

A euforia do jogo frente ao FC Barcelona desvaneceu-se rapidamente com a derrota caseira frente à equipa de Portimão, mas nada disso tira o mérito a esta equipa que fez um arranque fenomenal.

Anúncio Publicitário

É estranho, eu sei, elogiar uma equipa que acabou de perder, mas faz parte do desporto e há que reconhecer o mérito a quem o merece. Este SL Benfica realizou um dos melhores arranques da história e merece ser reconhecido por isso.

Não, não se pode passar “paninhos quentes” e dizer que tudo está bem, pois há coisas a melhorar, há que estudar os erros e derrotas como esta servem para se tirar ilações, senão foi apenas uma derrota.

Samuel Portugal foi o principal culpado pela primeira derrota do SL Benfica
Samuel Portugal foi o principal culpado pela primeira derrota do SL Benfica
Fonte: Carlos Silva / Bola na Rede

A verdade é que desde agosto que o SL Benfica regista onze vitórias, dois empates e apenas uma derrota. Eu diria que são excelentes resultados, mas estes três pontos poderão fazer muita falta lá para maio.

Jorge Jesus colocou a equipa a jogar em modo “rolo compressor” e regista um saldo de 28 golos marcados e seis sofridos até ao momento. Bater este SL Benfica e, principalmente, terminar um jogo sem sofrer não é tarefa fácil, que o diga o Portimonense SC que viu serem desferidos 24 remates contra si no último jogo e mesmo assim conseguiu manter a baliza fechada a golos encarnados.

O treinador do SL Benfica parece ter encontrado um onze que para além de parecer ser a formação mais forte, é a mais rotinada e equilibrada que vimos nesta temporada. Mais uma vez reforço a ideia de que não é por se jogar com três centrais que a equipa é mais defensiva, até pelo contrário.

O atual esquema tático aproveita ao máximo o poderio ofensivo dos laterais encarnados e com Weigl numa forma incrível, o corredor central está mais do que protegido. De resto, João Mário está num nível altíssimo e lá na frente Rafa parece não querer baixar o ritmo, levando já cinco golos e três assistências.

Darwin Nuñez tem protagonizado um excelente arranque de temporada ao serviço do SL Benfica
Darwin tem estado em destaque neste início de temporada ao serviço do SL Benfica, somando seis golos
Fonte: Carlos Silva / Bola na Rede

Darwin e Yaremchuck também estão em grande forma com o primeiro a registar já seis golos nesta época e o segundo com quatro golos e duas assistências.

No total, este trio de ataque conta, entre si, com 15 golos marcados e cinco assistências. Números fantásticos e que deixa qualquer treinador e adepto satisfeito. Espera-se que a equipa não abrande e que a derrota frente ao Portimonense SC tenha sido um contratempo que dê para perceber aquilo que correu mal e se aprenda com os erros.

Estamos em pausa para compromissos de seleções nacionais e muitos dos titulares encarnados foram convocados pelos seus países, mas até regressarem as competições de clubes, Jorge Jesus tem tempo para estudar a melhor forma de recuperar a equipa e de voltar ao trilho de vitórias com o qual iniciou a temporada.

Esta manhã, os encarnados perderam por 4-5 num amigável frente ao SC Farense, no Benfica Futebol Campus.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comente!
Por favor introduz o teu nome