FC Porto e Vitória FC encontraram-se no Estádio do Dragão, em jogo a contar para a quarta eliminatória da Taça de Portugal, Prova Rainha em Portugal. Este é o segundo degrau da escalada de ambas as equipas na Taça, sendo que os dragões venceram o SC Coimbrões por cinco bolas a zero na terceira eliminatória e os sadinos aplicaram o mesmo resultado ao Águias Moradal. No confronto entre estas duas equipas do primeiro escalão do futebol português, o FC Porto levou a melhor e seguiu, assim, para os oitavos-de-final da prova.

O FC Porto entrou melhor na partida, mas o Vitória não se restringiu apenas à sua defesa. Os sadinos tentaram sair rápido, mas a primeira oportunidade de golo foi para os portistas. Corona, isolado após passe de Loum, atirou ao poste direito da baliza de Makaridze.

Aos 31′, Diogo Costa, num pontapé de baliza, lançou a bola diretamente para Corona que, quando ia isolado, foi derrubado por André Sousa, o que valeu o cartão vermelho direto para o defesa sadino. Otávio, na marcação do livre, tocou curto para Alex Telles, o brasileiro rematou com potência, Makaridze não agarrou e Mbemba, no ressalto, de cabeça, fez o primeiro da partida.

Em cima do intervalo, Otávio assistiu Fábio Silva, que, com a baliza escancarada, não falhou, e acrescentou mais um golo pela equipa dos graúdos à sua conta pessoal. Estava feito o segundo da partida e do FC Porto.

Anúncio Publicitário
Fábio Silva voltou a marcar pela equipa A do FC Porto, depois de ter renovado contrato
Fonte: Diogo Cardoso/ Bola na Rede

Sem mais oportunidades de golo até ao intervalo, as duas equipas recolheram aos balneários com o FC Porto em vantagem por duas bolas a zero e mais um elemento em campo.

O segundo tempo começou com o FC Porto a dilatar a vantagem no marcador. 10′ depois do início da segunda metade, Jubal, após cruzamento de Corona, empurrou a bola para a própria baliza. Tudo parecia já resolvido no que abrangia o resultado final da partida. Nem cinco minutos depois, Marega concluiu para o quarto golo dos dragões e fechou por completo a partida.

Antes do fim do encontro, Nakajima e Loum ainda atiraram ao poste da baliza de Makaridze, mas tudo se manteve na mesma no que ao resultado dizia respeito.

Carlos Xistra apitou para o fim dos 90′ e, na estreia de Júlio Velásquez pelo Vitória FC, o FC Porto repetiu o resultado do campeonato frente aos sadinos, quatro bolas a zero e segue para os oitavos-de-final da competição.

ONZES INICIAIS E SUBSTITUIÇÕES

FC Porto: Diogo Costa; Manafá, Mbemba, Diogo Leite, Alex Telles; Tecatito( 67′ Soares), Loum, Danilo( 67′ Nakajima), Otávio; Marega, Fábio Silva( 59′ Aboubakar)

Vitória FC: Makaridze,André Sousa, Jubal, Artur Jorge, Mano; Nuno Valente, José Semedo, Leandrinho (46′ Ghilas), Brian( 60′ Carlos Vinícius); Zéquinha, Hildeberto