Taça de Portugal, 1º mão da Meia Final: quarta-feira, 20h15, 10 de fevereiro de 2021
ANTEVISÃO: JOGO DIFÍCIL COM BAIXAS E CANSAÇO EVIDENTE

O mês de fevereiro tem sido difícil para o FC Porto não só a nível de resultados negativos, como também a nível de desgaste físico. Para além de Corona, que se encontra suspenso por conta de uma expulsão no jogo passado contra o SC Braga, Otávio e Zaidu estão em dúvida para o jogo desta quarta-feira a contar para a primeira mão da meia final da Taça de Portugal.

O JOGO DO PASSADO DOMINGO TEVE MUITA EMOÇÃO E TRÊS GOLOS. SERÁ QUE AMBAS AS EQUIPAS IRÃO MARCAR NESTA PRIMEIRA MEIA-FINAL DA TAÇA? APOSTA COM A BET.PT!

Antevê-se um jogo complicado para ambas as equipas, que acusam um enorme cansaço por via de estarem a jogar, desde o início do mês, de três em três dias. Com a ausência de jogadores cruciais, e com o psicológico abalado devido à reviravolta sofrida no jogo passado, os Dragões defrontam (novamente) um SC Braga com “novos ares”, por efeito da saída de Paulinho e pela entrada de novos reforços como Lucas Piazón, Borja e Šporar.

Anúncio Publicitário

10 DADOS RÁPIDOS

  1. Nos últimos 5 jogos, o SC Braga conta com quatro vitórias e um empate, este precisamente contra o FC Porto.
  2.  Os portistas, nos últimos 5 jogos, contam com três vitórias e dois empates.
  3. O FC Porto joga esta eliminatória com o SC Braga depois de eliminar o Gil Vicente em Barcelos por 2-0, com golos de Corona e Taremi.
  4. O vencedor da eliminatória de duas mãos entre FC Porto e SC Braga defronta, na final da competição, o vencedor da eliminatória entre SL Benfica e GD Estoril Praia.
  5. O FC Porto leva 18 jogos sem perder na Taça de Portugal, sendo a última derrota contra o Sporting a 18 de abril de 2018, no desempate por grandes penalidades.
  6. O SC Braga deixou o Trofense, o Olímpico Montijo, o Torreense e o Santa Clara pelo caminho, até chegar a esta meia final da Taça de Portugal.
  7. O SC Braga tem o melhor ataque da competição, a par do GD Estoril Praia, com 18 golos marcados.
  8. O FC Porto apresenta um registo de 3 golos sofridos na competição, à medida que o SC Braga sofreu apenas 2 golos.
  9. O FC Porto conta com 17 Taças de Portugal no seu palmarés, ao passo que o SC Braga possui apenas 2 Taças de Portugal.
  10. A última vitória do SC Braga na Taça de Portugal contra o FC Porto foi na época de 2015/2016, após o desempate por grandes penalidades, resultado este que deu o título da competição ao SC Braga.

JOGADORES A TER EM CONTA

Fonte: Carlos Silva / Bola na Rede

Galeno – o extremo brasileiro é dos jogadores mais perigosos do SC Braga, especialmente em jogos grandes. Enquanto que contra equipas mais fechadas, seria mais relevante destacar, porventura, Ricardo Horta, num encontro contra o FC Porto, onde o espaço nas costas dos defesas vai existir, Galeno assume uma importância ainda maior para os Guerreiros. O ex-Dragão tem velocidade para dar e vender, e uma capacidade nos duelos 1×1 inigualável dentro do plantel bracarense. Já não tem o seu alvo preferencial para o último passe – Paulinho –, mas tanto Ricardo Horta como Abel Ruiz já mostraram que têm um faro apurado para o golo.

Fonte: Diogo Cardoso / Bola na Rede

Taremi (FC Porto) – o iraniano tornou-se numa peça absolutamente indispensável para Sérgio Conceição. Demorou umas semanas para ganhar a titularidade, mas desde que entrou no onze inicial, mostrou que tem qualidade para de lá não sair. Um avançado muito completo, consegue atacar a profundidade com bons timings de desmarcação, da mesma forma que também baixa muito bem no terreno para ligar o meio-campo ao ataque. Com Marega ao lado, o seu papel recairá mais no segundo aspeto que referi. Para além da sua movimentação exímia, tem uma capacidade finalizadora dentro da área que não se via no FC Porto há vários anos.

XI’S PROVÁVEIS

SC Braga: Matheus, Ricardo Esgaio, Tormena, David Carmo, Borja, Al Musrati, Fransérgio, Lucas Piazón, Ricardo Horta, Galeno e Abel Ruiz

Treinador: Carlos Carvalhal 
“O foco é tentar conseguir um bom resultado e manter a eliminatória em aberto. Nada vai ficar decidido neste jogo, seja qual o resultado”

FC Porto: Diogo Costa, Manafá, Pepe, Diogo Leite, Malang Sarr, Sérgio Oliveira, Matheus Uribe, Fábio Vieira, Luis Díaz, Taremi e Marega

Treinador: Sérgio Conceição

PREVISÃO DE RESULTADO: SC Braga 1-2 FC Porto

Artigo de Felipe Ribeiro e Alexandre Matos

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comente!
Por favor introduz o teu nome