Anterior1 de 2Próximo

o passado tambem chuta

Foi há 98 anos que foi fundado o Clube de futebol “Os Belenenses”, num humilde banco de jardim, em Belém, corria o ano de 1919. A ideia da criação deste ilustre clube passava pela alternativa aos famigerados Benfica e Sporting da altura. O Belenenses pretendia ser a nova alternativa desportiva da capital.

Artur José Pereira, jogador do Sporting CP, decide criar um clube que levasse o nome da sua terra mais longe. A ideia deixou outros jogadores curiosos sobre o assunto e começou a influenciar alguns jogadores provenientes do SL Benfica, a embarcar nessa aventura que perdurou até aos dias de hoje e que faz da equipa d’Os Belenenses, uma das mais históricas do futebol português.

Durante o mês de Agosto, Artur Pereira juntou-se a seu irmão Francisco Pereira e procurou  dar os primeiros passos para a formação do Belenenses. Foi então que em 23 de Setembro de 1919 o clube ficou oficialmente fundado com jogadores jovens do bairro de Belém. A partir daí a equipa do Restelo começaria a escrever uma história sem precedentes no futebol português, por sinal, uma das mais ricas.

A 8 de Novembro do mesmo ano realizou-se o primeiro jogo oficial dos azuis do restelo contra os vizinhos do Vitória de Setúbal, o qual perderam, por 1-0, na taça “Associação”. Mas nem a derrota os fez parar. A força da equipa de Belém já se começava a fazer notas e as gentes de Lisboa, mais concretamente da zona de Belém, começavam a associar-se aquele novo clube que surgia.

O primeiro grande clássico do clube foi em 21 de Janeiro de 1920 contra o Benfica, rival de Lisboa. A equipa de Belém estreou-se da melhor forma em clássicos, logo com uma vitória por 2-1 perante um Benfica, que na altura era uma das mais temíveis equipa do panorama do futebol nacional, fazendo jus ao seu lema: “(…) Nada temos que temer, Belenenses para a frente (…)”. Já aí se podia olhar para o Belenenses como um clube com uma mensagem diferente dos outros rivais de Lisboa. O Belenenses tentava colocar-se entre os dois grandes de Lisboa, apostava numa postura diferente, num espírito também ele diferente, algo que cativou muitos adeptos  na época.

O primeiro jogo no Restelo, Belenenses- Benfica, deixou o  estádio completamente cheio Fonte: CF Os Beleneneses
O primeiro jogo no Restelo, Belenenses- Benfica, deixou o estádio completamente cheio
Fonte: CF Os Beleneneses

A sua estreia a nível internacional realizou-se a 10 de Junho do ano seguinte. Foi no dia de Portugal, que o clube Português mostrou a “ilustre gente lusitana”, ao ganhar ao Sevilha de Espanha por 2-0.

Aos poucos os azuis do restelo iam crescendo e na cidade de Lisboa crescia, cada vez mais, a sua popularidade. Apesar disso havia um título que os adeptos desejavam e que teimava em escapar aos do Restelo: o campeonato nacional.O Belenenses já somava no seu palmarés duas competições do anterior campeonato de Portugal mas os azuis do restelo queriam mais. Algo que viria a acontecer,  na época de 1945/46.Todo o trabalho árduo do clube viria a ser recompensado ao sagrar-se campeão nacional do Futebol Português. Foi o primeiro clube não grande, na I divisão a conquistar o titulo de campeão nacional. Ao Belenenses só iria juntar-se, posteriormente, o Boavista. O Belenenses, da altura, tinha uma dimensão diferente. Era um clube que conseguia chamar até si a atenção muitos adeptos. O Belenenses propunha-se a acabar com a excessiva bipolarização do futebol na capital e no país.

Anterior1 de 2Próximo

Comentários